MidiaMAIS

Fã de Funko Pop, colecionador monta acervo de 290 miniaturas geeks em Campo Grande

O hobby por Funko Pop começou durante a pandemia, quando Tato Mansano encontrou nos funkos uma maneira de passar o tempo dentro de casa

Nathália Rabelo Publicado em 22/07/2021, às 14h24

Tato Mansado e set de Funko Pop de La Casa de Papel
Tato Mansado e set de Funko Pop de La Casa de Papel - Foto: Arquivo Pessoal

Cabeçudos, cabeçudinhos, funco pop ou simplesmente Funko Pop, a verdade é que essas belas miniaturas são sucesso no mundo todo com a representação de artistas, músicos, desenhos, personagens e tantas outras figuras emblemáticas da cultura pop. E dentre tantos amantes que os “bonequinhos” conquistam diariamente, Tato Mansano não ficou imune dessa nova febre que abastece o universo Geek. A curiosidade que se transformou em hobby rendeu a ele um arsenal de 290 miniaturas guardadas, cuidadas e expostas na sua própria casa, em Campo Grande.

Tato trabalha como servidor público e fisioterapeuta, mas nesse meio tempo sempre demanda um tempinho para cuidar dos seus bonequinhos. Ele contou ao Jornal Midiamax que essa admiração começou enquanto ainda morava em Londres e buscava um presente para o sobrinho. Foi nessa hora que o casal de bonecos do Jack e Rose, do filme Titanic, chamou a sua atenção.

Ele acabou não comprando nada naquele dia, mas os cabeçudinhos despertaram tanto interesse que passou a pesquisar sobre eles. O primeiro investimento veio depois, adquirindo bonecos dos personagens de filmes que mais gostava. Mas foi só aqui em Campo Grande, durante a pandemia, que os Funkos Pop se tornaram uma verdadeira paixão. Trancado dentro de casa todos os dias, Tato encontrou nos bonecos um alívio na quarentena, como se eles fossem uma espécie de terapia.

“Eu já estava começando a ficar deprimido com toda essa situação e me dedicar a esse hobby com certeza me ajudou a superar tudo isso com mais leveza. Foquei toda a energia e ansiedade nisso, conheci a comunidade de colecionadores e passei a me dedicar a isso nas horas vagas”, disse o fisioterapeura.

Colecionador de memórias

Colecionador nato, Mansano sempre teve apreço por guardar relíquias. Gibis, moedas de diferentes países e agora os funkos, cuidar deles é a principal maneira de conservá-los. Por isso, ele conta com caixas especiais para cada boneco, faz a limpeza de cada um regularmente, organiza e sempre arruma espaço para todos. Foi assim que Tato investiu em um expositor com vidros. Além de ficarem lindos como decoração na sua residência, os funkos estão protegidos. Para quem é de fora, o sucesso é garantido.

[Colocar ALT]
Funkos ficam guardados em expositor de vidro (Foto: Arquivo Pessoal)

“Geralmente as pessoas curtem bastante, ficam procurando quais personagens eles conhecem, quais gostam mais. Tenho um amigo que já começou a colecionar, estou ajudando ele a encontrar os funkos que ele gosta. Meu sobrinho de 4 anos fica doido, mas desde cedo ele já aprendeu que ‘os bichinhos são do titio e não é para brincar, só para olhar’ ”, comenta.

Atualmente com 290 bonequinhos, Tato explica que pretende aumentar a coleção conforme encontrar novos personagens. Mais do que colecionar bonecos, Mansano preserva a história.

“Eu acredito que o encanto do Funko Pop é a nostalgia que eles trazem. São pedaços de memória que você pode guardar fisicamente ali na estante e curtir sempre que quiser. Essa memória afetiva com os personagens é o que me motiva a colecionar”

Coleção

Tato Mansano tem muitos funkos, como você pôde perceber, mas ele listou pra gente quais são aqueles que mais gosta, os que deram mais trabalho de encontrar e também os mais caros. Confira:

Personagens favoritos: O Alfred Hitchcock, a Tempestade dos X-Men, a "Bonequinha de Luxo" Audrey Hepburn, o casal do Titanic, uma Mulher-Gato, o Popeye, o He-Man no Gato Guerreiro, o Edward Mãos de Tesoura, a Regan do filme Exorcista, o Dunharow King de O Senhor dos Aneis e o Beetlejuice.

Sets preferidos: X-Men, os vilões do Batman, as princesas Disney - principalmente a Ariel cantando na pedra – “Essa última foi bem difícil de achar e quando achei foi uma luta para ela chegar até aqui. Encontrei em um anúncio do OLX la em Brasília, mas a pessoa não mandava pelo correio. Então eu pedi para uma amiga que tem amigos em Brasília para conseguir alguém para pegar o funko pessoalmente. Essa pessoa pegou o funko, ficou com ele uns dois meses até vir para Campo Grande numa pescaria. Só aí eu recebi. Mas valeu muito a pena”, comentou.

Os mais caros: Ghostface (do filme Pânico), o Aríete (do He-Man) e Holly Golightly (Audrey Hepburn no filme Bonequinha de Luxo).

E também tem aqueles que ele está doido para comprar. “Meu sonho de consumo são os personagens do meu filme preferido, O Mágico de Oz, principalmente a Bruxa Má. Como todo objeto de coleção, quanto mais antigo e mais raro, mais caro é o boneco! E essa é super difícil de achar e bem cara, mas um dia eu chego lá!”.

Tato mostra o seu expositor com a coleção de Funko Pop (Foto: Arquivo Pessoal)

Canal no Youtube

A paixão pelos funkos saiu de casa e foi para Internet! Com intuito de ajudar novos colecionadores e fazer reviews sobre as suas miniaturas, Tato criou um canal no Youtube sobre o assunto. Ele também compartilha os conteúdos no Instagram e TikTok.

Ele foi incentivado por dois amigos, o Tio da Barba Branca (considerado um guru dos colecionadores de Funko Pop no Brasil) e o Marcos (produtor de conteúdo geek e nerd de Campo Grande, o Nerd Absoluto). Já no TikTok, contou com a ajudinha do marido Orlando Beraldo, que possui um perfil bem famoso na rede.

“Ainda estou começando com os canais, mas consigo perceber que tem muita gente interessada em começar a colecionar. A maioria dos comentários que eu recebo é pedindo dicas de onde comprar, onde achar os modelos. Por isso, o conteúdo que estou produzindo agora no TikTok é uma série de vídeos com dicas para quem está começando a colecionar”, comenta Mansano.

Questionado se ele pretende atingir um número específico na sua coleção, Tato explicou que não almeja nenhuma quantidade e que adquire os bonecos conforme ele tem vontade. E jajá esse número de 290 funkos aumentam, uma vez que o colecionador está prestes a receber novas miniaturas. Afinal, opções não faltam.

Confira abaixo um pouco da coleção de Funko Pop de Tato Mansano:

Foto: Arquivo Pessoal

Foto: Arquivo Pessoal

Foto: Arquivo Pessoal

Foto: Arquivo Pessoal

Jornal Midiamax