MidiaMAIS

Em Bonito, Coletivo une forças para plantação de mil mudas e sementes neste Dia da Árvore

Com trabalho de voluntários e ajuda de parceiros, coletivo Mil Pelo Planeta comemora um ano plantando mais árvores na capital do ecoturismo do Brasil.

Leandro Marques Publicado em 21/09/2021, às 12h12 - Atualizado às 12h12

Vai planeta!
Vai planeta! - Foto: Divulgação

Um ano após a primeira ação de plantação  voluntária de mil mudas em Bonito - MS, ocorrido em 2020, o coletivo “Mil Pelo Planeta” repete a dose e pretende plantar e doar mil mudas em uma força-tarefa em prol do meio ambiente. Com um trabalho que visa a regeneração do nosso bioma e pautas que envolvem sustentabilidade e educação ambiental, neste dia da árvore vai ter mil mudas plantadas sim!

Embasados por especialistas em reflorestamento e Biólogos voluntários, a ideia é espalhar conhecimento e conscientização sobre o que está acontecendo com o nosso planeta. “Fomos em busca de especialistas tanto no bioma do cerrado, quanto em projetos de sustentabilidade. Muito legal chegar a um ano e fazer essa reflexão. Acredito que venha um ciclo de amadurecimento, pois ficou muito claro que as pessoas gostam de fazer e se propõe a somar forças pela causa ambiental. Esse dia 21, dia da árvore, marca a união de muitas pessoas em torno da natureza”, reflete Neo Ávila, Publicitário e encabeçador do Coletivo.

Já plantou uma árvore hoje? Eles já! - Foto: Divulgação 


O trabalho deste ano será em uma propriedade particular parceira da ação, o rancho Kanzeon, que abriu o espaço para o coletivo trabalhar em uma área com sinais de erosão.“Estamos na beira do rio Formosinho, desta vez plantando mais perto do rio, um plantio mais ciliar”, conta Neo. Ano passado a ação aconteceu no Rancho Yporã, ainda em Bonito, saiu de lá a grande vontade de espalhar a ideia para reflorestar outras áreas e assim inspirar mais e mais pessoas.

Mais Mil

O desenvolvimento do plantio deste ano envolve o conhecimento de agrofloresta e a experiênciado especialista Thiago Luiz Agroflorestal. Ele é o portador das sementes, tem a parte técnica e know-how para a execução. Vindo de Presidente Prudente -SP, o baiano de Itaberaba - BA, está em Bonito especialmente para a ação.

“Tenho um acervo com mais de 100 variedades de sementes que distribuo para todos estados do Brasil. Para o Mil trouxe 6 kits, cada kit com cerca de 15 variedades de plantas diferentes, como o feijão de porco, que a gente também costuma chamar de adubadeira. Tem o nabo forrageiro, que em pouco tempo produz muitas flores, o que atrai uma fauna de insetos nativos, principalmente os polinizadores como abelhas, libélulas, borboletas... a Crotalária, umas das mais interessantes, é uma que atrai a libélula, que é o inimigo número um do mosquito da dengue, entre outras”, conta. 

O Agroflorestal Thiago Luiz e a plantação em andamento - Foto: Divulgação 

Como Participar

Aos interessados em endossar as ações do Mil Pelo Planeta, saibam que todos são muito bem vindos. Não é cobrado nada e as pessoas podem colaborar em uma dessas 3 atividades:

“Nós trabalhamos em três etapas, que é a preparação do solo e a produção dos buracos. Tem o plantio que é um dia de socialização, onde as pessoas se conhecem, trocam ideias, é um networking verde. E o terceiro passo é a irrigação, a manutenção, adubação. A gente forma grupos de voluntários que possam realizar essas tarefas”, explica Neo.

Voluntários em um clique durante uma pausa nas plantações - Foto: Divulgação 

A próxima ação marcada será o Mil Pelo Planeta Kids, no dia das crianças. Uma forma muito legal de ensinar na prática os cuidados e o carinho que precisamos ter com nosso meio ambiente. Para saber mais sobre as ações do Mil Pelo Planeta, visite o perfil @milpeloplaneta no Instagram.

Jornal Midiamax