MidiaMAIS

Gran Circo aterrissa este final de semana em Campo Grande

Malabaristas, palhaços, equilibristas, trapezistas, bonecos e globistas fazem parte da trupe do Gran Circo Hermanos Rodriguez que aterrissa nesta sexta-feira (29), na Praça do Papa, em Campo Grande. Os artistas prometem levar os encantos e magias tradicionais da arte circense para o público nesta nova temporada na Capital. A grande atração dos espetáculos fica por […]

Bruna Vasconcelos Publicado em 29/03/2019, às 17h16 - Atualizado às 17h40

Foto: Reprodução / Facebook
Foto: Reprodução / Facebook - Foto: Reprodução / Facebook

Malabaristas, palhaços, equilibristas, trapezistas, bonecos e globistas fazem parte da trupe do Gran Circo Hermanos Rodriguez que aterrissa nesta sexta-feira (29), na Praça do Papa, em Campo Grande. Os artistas prometem levar os encantos e magias tradicionais da arte circense para o público nesta nova temporada na Capital. A grande atração dos espetáculos fica por conta de uma garotinha de apenas 11 anos que se arrisca fazendo manobras radicais no Globo da Morte com mais 3 motociclistas.

Cerca de 20 artistas fazem parte da turma que transforma o picadeiro em um verdadeiro show mágico. Entre as piruetas dos malabaristas e as piadas dos palhaços Pipoquinha e Platonito, um robô Transformers leva os pequenos à loucura. O “show kids” com os personagens da Patrulha Canina, Marsha e o Urso e Homem-Aranha transporta o público ao mais lúdico momento da noite.

Gran Circo aterrissa este final de semana em Campo Grande

Tradicional no Gran Circo Hermanos Rodriguez, o Globo da Morte é um dos momentos mais esperados pelos convidados. Com apenas 11 anos, uma das motociclistas se torna a grande atração da noite quando realiza manobras radicais dentro da esfera de aço. Sob a supervisão do pai, a garota também acaba interagindo com os outros 3 artistas que se aventuram em cima das motos.

“É a hora da máquina contra o ferro. Estamos atentos a cada segundo porque todo dia é uma sensação nova”, conta Dayane Rodrigues, que se apresenta no globo da morte há mais de 10 anos.

O Hermanos Rodriguez arrasta multidões por onde passa. Já na 7ª geração da família desde que foi fundado, a estrutura do picadeiro carrega uma história baseada em amor pela arte circense desde o umbigo. Seu Lídio, bisneto do idealizador do projeto e atualmente com 82 anos, é quem comanda e leva a trupe aos 4 cantos do país.

Além do palco principal com capacidade para 1.000 pessoas, o Gran Circo também conta com praça de alimentação recheada de cachorro quente, maçã do amor, pipoca, e churros. Os pequenos também podem levar pisca-pisca e bolas para casa, deixando a lembrança circense ainda mais especial.

As apresentações são de segunda a sexta-feira, às 20h30, e sábado e domingo às 18h e 20h30. Os ingressos custam R$ 15 adulto e R$ 10 crianças nas cadeiras e R$ 25 para qualquer pessoa no Camarote. O local onde a estrutura foi montada também conta com estacionamento gratuito e sinalizado.

Jornal Midiamax