MidiaMAIS

Com mais seguidores que muitos humanos, Golden Retriever é digital influencer dos pets

Com aquela cara de simpático como todo Golden Retriever, Loki é um cão com uma vida social bem ativa. Passeia pelos shoppings de Campo Grande, participa de encontros de cães e, às vezes, até visita o trabalho do papai, o analista de performance Renato Munhoz Pelizon, de 32 anos. E não para por aí. O […]

Tatiana Marin Publicado em 06/06/2018, às 08h05 - Atualizado às 20h18

Loki é um Golden Retriever com vida social ativa e conta no Instagram. (Foto: Arquivo pessoal)
Loki é um Golden Retriever com vida social ativa e conta no Instagram. (Foto: Arquivo pessoal) - Loki é um Golden Retriever com vida social ativa e conta no Instagram. (Foto: Arquivo pessoal)

Com aquela cara de simpático como todo Golden Retriever, Loki é um cão com uma vida social bem ativa. Passeia pelos shoppings de Campo Grande, participa de encontros de cães e, às vezes, até visita o trabalho do papai, o analista de performance Renato Munhoz Pelizon, de 32 anos. E não para por aí. O Loki tem até Instagram.

Hoje eu fui trabalhar, gaulera! ??? Mas agora SEXTOU hein? ?

A post shared by Loki the Golden Retriever (@loki.golden) on

Com mais de 9 mil seguidores, os posts feitos por Loki são muito bem aceitos. As publicações descrevem um pouco da sua rotina. Renato, que trabalha com marketing digital, conta que foram os colegas de trabalho que sugeriram a criação de um perfil canino.

“Eu trabalho em uma agência de publicidade e o pessoal sugeriu. Usando as hashtag e seguindo perfis afins, foi tudo dando certo”, explica. E “para dar uma personalidade”, as postagens são feitas como se o próprio Loki estivesse falando. “Fica mais ou menos do jeito que a gente interpreta”, diz Renato.

Afagos e carinhos

Com a liberação da entrada de cães em shoppings, Loki é figurinha conhecida e ‘assediada’ nos rolezinhos com seus pais. “Todo lugar que a gente vai a cada cinco passos chegam crianças e ele já senta, porque sabe que vai ganhar carinho”, conta.

Uma das situações em que Loki arrancou mais suspiros foi durante um desfile canino de carnaval no Shopping Bosque dos Ipês. Na ocasião ele estava fantasiado de vampiro.

Família

O golden retriever chegou à família em dezembro de 2015 e é o xodó de Renato e sua namorada, a analista de suporte Juliana Medina Robles, de 34 anos. O nome Loki tem influências nórdicas, vem do deus viking das trapaças. Apesar de ser brincalhão, o golden retriever não herdou tal característica.

Em alguns posts, Loki conta sobre quando sua família foi voluntária para cuidar de um cão de rua, enquanto era tratado e estava a espera de adoção. Cãezinhos abandonados se transformam quando recebem cuidados, como nesta história que a gente já contou.

⭐️AUJUDA À LUNA⭐️ Gaulera essa é a Luna. Até sexta passada ela tava na rua passando fome e frio na chuva, mas agora ela ta aqui em casa, limpa, quentinha, medicada (ela tem leish) e de barriguinha cheia. Como ela tava fraquinha, a mamis levou pra consulta, exames, comprou remedios, e a continha ja passou de mil reais. Então quem puder ajudar a mamis com a continha da minha aumiguinha, pode depositar QUALQUER valor na conta dela. Acima de 30,00 reais ganha um brinde! Itau Agencia 1585 Conta 21242-4 Juliana Medina Robles Se preferir conta da caixa manda msg! Aubrigado dinada #srd #viralata #resgate #campograndems #campogrande #goldenbrasil #goldenbr #goldensbr #goldenpuppies #goldenretriever #welovegoldens #goldenretrievers #goldenretrievers_ #goldenretrieverlove #meumundogolden

A post shared by Loki the Golden Retriever (@loki.golden) on

Sobre a raça Golden Retriever

Os cães da raça Golden Retriever são muito inteligentes. Eles ocupam a 4ª posição da inteligência canina, ficando atrás dos Border Collies, Poodles e Pastores Alemão. Além disso são dóceis e pacientes, o que os torna companhias ideais para os humanos, principalmente crianças.

Loki, o Golden Retriever (Foto: Arquivo pessoal)
Loki, o Golden Retriever (Foto: Arquivo pessoal)

A simpatia está estampada no olhar deles e na feição que parece estar sorrindo. É impossível resistir a eles, principalmente quando filhotes.

Não escolha um Golden Retriever se seu intuito for segurança, pois fazem a maior festa para quem chega, seja conhecido ou não.

A parte “Retriever” no nome da raça indica que é um cão que traz de volta as coisas pra você. Seja uma bolinha – alguém disse bolinha? -, um graveto ou o produto de uma caça. Sim, os Goldens foram desenvolvidos na Escócia no século XIX através de cruzamentos para auxiliar na caça.

Anos depois eles são os fiéis companheiros de famílias por todo o mundo.

E companhia é o que ele precisa, além de espaço e brinquedos. Um Golden Retriever sozinho e confinado pode acabar com calçados e móveis.


Fale MAIS!

O que você gostaria de ver no MidiaMAIS? Envie sua sugestão para o e-mail [email protected], ou pelos telefones 67 99965-7898/3312-7422.

Siga a gente no Instagram: @midia_mais_ 

Jornal Midiamax