Ainda com pouco público, abertura do Fasp 2018 tem homenagens e vice tocando Almir Sater

A vice-governadora Rose Modesto colocou em prática seus dotes artísticos interpretando a canção ‘Tocando em Frente’ de Almir Sater na abertura do 14º Festival América do Sul Pantanal (Fasp), na noite desta quinta-feira (24). Segundo ela, o verso “Ando devagar, porque já tive pressa” combina com o “devagar, devagarinho” cantado pela atração principal do primeiro dia […]
| 25/05/2018
- 15:07
Ainda com pouco público, abertura do Fasp 2018 tem homenagens e vice tocando Almir Sater

A vice-governadora Rose Modesto colocou em prática seus dotes artísticos interpretando a canção ‘Tocando em Frente’ de Almir Sater na abertura do 14º Festival América do Sul Pantanal (), na noite desta quinta-feira (24). Segundo ela, o verso “Ando devagar, porque já tive pressa” combina com o “devagar, devagarinho” cantado pela atração principal do primeiro dia do evento, o sambista Martilho da Vila.

Para Rose, “devagar podemos sentir mais”.

Ainda com pouco público, abertura do Fasp 2018 tem homenagens e vice tocando Almir Sater
(Foto: Marcos Ermínio)

Durante as primeiras atividades que compuseram a abertura que se iniciou às 19h30 com o cortejo dos andores de São João, o público ainda era pequeno. Conforme a noite foi passando o número de expectadores aumentou e já havia um número considerável para o show de Martinho da Vila

Abertura do Fasp

Além de enfatizar os valores do Fasp que são o respeito, a democracia e a paz, a noite foi marcada por duas homenagens.

A primeira delas foi endereçada ao falecido prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha. A viúva, Beatriz Cavassa, a filha e a mãe de Ruiter, estavam presentes para receber a homenagem. Ao receber a palavra, Beatriz disse que “esta homenagem, como outras que não são poucas, é motivo de nos fortalecer a cada dia e continuar o nosso caminho”.

O músico paraguaio José Assunção Flores foi o outro homenageado na noite. Com as palavras do ministro de Cultura do Paraguai, Fernando Griffith, o público foi informado de como sua trajetória o levou a ser o criador da guarânia. O ministro também disse ter ficado emocionado ao ver os presentes “tirando o chapéu” para a execução do hino de seus país, o que demonstra respeito e integração entre as nações vizinhas.

Abertura do fasp - Ministro de Cultura do Paraguai Fernando Griffith e o prefeito de Corumbá Marcelo Iunes. (Foto: Marcos Ermínio)
Ministro de Cultura do Paraguai Fernando Griffith e o prefeito de Corumbá Marcelo Iunes. (Foto: Marcos Ermínio)

Diversas autoridades estavam presentes para a solenidade. Além da vice-governadora Rose Modesto e o ministro de cultura do Paraguai Fernando Griffith, também participaram o secretário estadual de cultura e cidadania, Athayde Nery, o prefeito de Corumbá Marcelo Iunes, o Prefeito de Ladário Carlos Ruso, entre outros.

O 14º Pantanal começou nesta quinta-feira (24) e segue até o próximo domingo (27), com programação em Corumbá, Ladário, e nas cidades bolivianas Puerto Quijaro e Puerto Suárez.

Durante todo o dia, terão apresentações de circo, teatro e dança nestas cidades. Nesta sexta-feira (25), o show principal é do rapper Criolo, que sobe ao palco na Praça Generoso Ponce por volta das 22h30. Mas antes, quem abre a noite é o grupo de rap indígena BRÔ MC’s, de Mato Grosso do Sul.

Acompanhe o Festival através do Instagram do MidiaMAIS – @midia_mais_

(A repórter Tatiana Marin cobre o Festival América do Sul Pantanal a convite da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul)


Fale MAIS!

O que você gostaria de ver no MidiaMAIS? Envie sua sugestão para o e-mail [email protected], ou pelos telefones 67 99965-7898/3312-7422.

Siga a gente no Instagram: @midia_mais_  

Veja também

Últimas notícias