MidiaMAIS

Em centenário celebrado hoje, todas as homenagens vão para Wilson Barbosa Martins

Família criou fanpage para reunir tributos ao ex-governador que completa hoje 100 anos

Guilherme Cavalcante Publicado em 21/06/2017, às 14h44

None

Família criou fanpage para reunir tributos ao ex-governador que completa hoje 100 anos

Quando foi eleito governador pela primeira vez, em 1983, do recém-criado Mato Grosso do Sul, Wilson Barbosa Martins jamais imaginaria que viesse a existir um mundo paralelo no qual a dinâmica das coisas fosse tão distante do que ele ajudou a construir: na internet, longe do asfalto, dos prédios e das políticas públicas aplicadas durante seus mandatos como governador, as coisas costumam funcionar de forma diferente.

Em centenário celebrado hoje, todas as homenagens vão para Wilson Barbosa Martins

Entre as dezenas de mensagens espalhadas por aí, uma parece ser bem emblemática. Administrada por familiares, a fanpage que leva o nome do político ainda tem poucas curtidas e opera há pouco tempo, mas já reúne relíquias e reproduz homenagens desta quarta, que saem em jornais, blogs e nas redes sociais estado a fora. Desde 12 de junho, a página formaliza a presença virtual do ex-governador centenário nas redes.

“É um esforço reunir tudo que já foi feito sobre ele, mas é um trabalho gratificante”, comenta Thaís Martins, uma das filhas do ex-governador, que está com a casa cheia. “Hoje é um dia da família se reunir, estamos aqui filhos, netos, bisnetos e amigos para um café da manhã pelo meu pai. É realmente uma data especial, muito significativa para nós, um privilégio” acrescenta Tahis, que também explica que a página quer amplificar o conhecimento sobre Wilson Barbosa Martins. É como diz o ditado: o artista tem de ir aonde o povo está.

Vídeos, fotos, livro e outras relíquias

Dia está repleto de homenagens a Wilson Barbosa Martins (Imagens - Acervo Roberto Higa)

.

E o Dr. Wilson Barbosa Martins, como costumava ser chamado antes de se aposentar, era uma espécie de artista. Bom com as palavras, defensor de Mato Grosso do Sul e muito fotogênico, conforme conta o fotógrafo Roberto Higa, dono de um dos maiores acervos de imagens de Mato Grosso do Sul.

“Trabalhei com o Dr. Wilson nos primeiros anos do mandato dele, então eu acompanhei bem a rotina do ex-governador. De fato, ele era uma pessoa querida, as pessoas realmente paravam para escutá-lo. Continua sendo, afinal, tem tantas homenagens por aí, né? Eu mesmo tenho registros muito raros dele. Tenho imagens de quando ele mandou derrubar algumas placas, que foi um dos primeiros atos dele como governador. E também tenho foto dele como deputado estadual do Mato Grosso, com o Pontes de Arruda, ex-governador do MT”, conta o fotógrafo.

Selo promocional em homenagem ao ex-governador (Reprodução/Facebook)Trabalho em andamento, a fanpage criada pelo centenário de Wilson Barbosa Martins também destaca outros momentos marcantes da vida do político. Como a homenagem promovida pela Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), em 2013, com a publicação de um selo especial, em parceria com a ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos), durante a programação da 75ª Expogrande. E além dos registros fotográficos, a vida do ex-governador também é contada e recontada por documentários especiais, parte deles produzidos pela TVE, que também constam na fanpage.

No centenário de Wilson Barbosa Martins, as homenagens não cessam nesta quarta, a propósito: a TV Educativa (TVE) vai exibir, a partir desta quarta-feira (21), reprise de entrevista concedida por Wilson à TV Morena, em 1985, cujo trecho você confere abaixo. E logo mais, às 19h, na sede da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras, será realizada uma solenidade pelo Centenário Acadêmico do ex-governador.

“Todos sabem o quanto ele foi de importantíssimo e valioso para todo esse processo de administração em Mato Grosso do Sul, mas o Dr. Wilson Martins também é valioso para as letras neste estado. Ele é dono de um português impecável, tem contribuições valiosas e também tornou-se um escritor-modelo ao escrever suas memórias e inspirar outras pessoas também importantes de escreverem autobiografias”, conta Reginaldo Alves de Araújo, presidente da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras. Já na segunda-feira (26), é a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul que promove uma sessão solene pelos 100 anos de Wilson Barbosa Martins.

Biografia

Dr. Wilson Martins e dona Nelly Martins (Foto - Acervo Roberto Higa)Wilson Barbosa Martins nasceu no dia 21 de junho de 1917 na fazenda São Pedro, região da Vacaria. Formado em direito pela Faculdade do Largo de São Francisco em São Paulo, Martins teve como colegas Ulysses Guimarães e José Fragelli, dentre outras figuras célebres. Ingressou na política em 1946, quando exerceu o cargo de secretário-geral da Prefeitura de Campo Grande, na administração do prefeito Fernando Correa da Costa. Em 1958 foi eleito prefeito da cidade. Pela UDN, Martins, foi eleito deputado federal pelo estado do Mato Grosso em 1963, e posteriormente aderiu ao MDB

Teve direitos políticos cassados por 10 anos durante a ditadura militar, em ocorrência do Ato Institucional número 5 em 1969. Todavia, em 1979, foi eleito o primeiro presidente da OAB, secção Mato Grosso do Sul, e retornou também à política sendo eleito governador de Mato Grosso do Sul, o primeiro eleito pelo voto direito. Em 1986, foi eleito senador da República e ajudou a construir a Constituição Federal de 1988

Em 1994, Wilson Barbosa Martins foi reconduzido ao cargo de governador de MS, já pelo PMDB. Em 2010, publicou suas memórias, a biografia de título ‘​Memória – Janela da História’. Aos 100 anos, o ex-governador de, Nelly Martins, com quem teve três filhos: Nelson, Thaís e Celina, esta, ex-deputada estadual e ex-conselheira do TCE, falecida em 2011. Teve oito netos e nove bisnetos.

Serviço – A solenidade pelo Centenário Acadêmico de Wilson Barbosa Martins é realizada nesta quarta-feira (21), às 19h30, no auditório da nova sede da Academia Sul-mato-grossense de Letras (Rua 14 de Julho, 4715, próximo a Igreja São Francisco) e é aberta ao público. A sessão solene de segunda-feira (26) é realizada às 19h30, na Plenária Julio Maia, da Assembleia Legislativa ( Av. Des. Leão Neto do Carmo, s/n).

(Fotos desta matéria foram gentilmente cedidas pelo fotógrafo Robeto Higa)

Jornal Midiamax