MidiaMAIS

Com pesquisa inédita, livro traz tudo o que fãs de futebol em MS precisam saber

Obra faz levantamento estatístico, com fotos, gráficos e curiosidades

Guilherme Cavalcante Publicado em 05/07/2017, às 16h37

None

Obra faz levantamento estatístico, com fotos, gráficos e curiosidades

Quem fez o gol da vitória do Sete sobre o Corumbaense na partida que rebaixou o time em 2013 no Douradão? Qual foi a arrecadação da bilheteria no primeiro clássico ‘Comerário’ de 2017? Quem foi o artilheiro do Estadual em 2011? Informações como estas estarão ao alcance da mão de curiosos e entusiastas do futebol do estado, após o lançamento do ‘Almanaque do Futebol Sul-Mato-Grossense’, com lançamento marcado para esta sexta-feira (7).

A obra é a primeira publicação do gênero no estado, e traz uma compilação de informações valiosas sobre o esporte em Mato Grosso do Sul, fruto do trabalho de anos e anos de cobertura e pesquisa jornalística sobre futebol, pelas mãos do jornalista Hélder Rafael, gaúcho radicado em Mato Grosso do Sul, onde se formou jornalista e atua profissionalmente.

Com pesquisa inédita, livro traz tudo o que fãs de futebol em MS precisam saber

Foi quando veio a ideia de transformar tudo em livro, no formato de almanaque. “Até porque minha ideia é que seja uma obra ao alcance da mão, na qual os curiosos e apaixonados por futebol possam tirar dúvidas, ler estatísticas, gráficos e outras informações interessantes sobre a história do futebol em MS”, conta Helder.

Curiosidades

Foto antiga do Morenão, na época da criação de Mato Grosso do Sul (Foto - Arquivo Arca)

.

Além dos placares e de informações estatísticas, o ‘Almanaque do Futebol Sul-Mato-Grossense’ traz curiosidades históricas sobre o esporte no estado. Por exemplo: você sabia que o futebol chegou em MS por Corumbá? “Era a cidade mais próspera da parte sul do antigo Mato Grosso, e tinha o terceiro maior porto fluvial da América Latina. Então foi ali, em 1910, que desembarcou o futebol nas terras pantaneiras”, revela Helder. “Mas o Corumbaense não foi o primeiro time. É o mais antigo que existe até hoje, mas antes dele outros chegaram a ser criados”, acrescenta, destacando que depois dele vêm o Comercial e o Operário, fundados nos anos 30 do século passado.

Registro de partida entre Operário e São Paulo (Foto - Divulgação)O Almanaque já deveria estar nas prateleiras, a propósito. “Eu já tinha finalizado a obra em 2016, mas precisava de um parceiro no lançamento. Como não consegui, esperei o campeonato de 2017 terminar para atualizar o livro e aí sim lançar”, conta o autor sobre a obra. Do texto à diagramação, tudo passou pelas mãos do jornalista. “Coloquei a mãos na massa para o almanaque sair”, brinca.

Segundo o autor, edições atualizadas ou outros números do almanaque podem surgir nos próximos anos. “Até porque na minha pesquisa ainda há lacunas, alguns pontos obscuros da história do futebol de Mato Grosso do Sul que ainda não consegui preencher”, conta, referindo-se a sete temporadas nas quais não há registro de nenhum de tabela, nos anos 80 e 90. “Vou continuar procurando, pesquisando não só na internet, nos jornais, mas também com os ‘antigos’ da cidade”, conclui.

Sobre o autor

Jornalista formado pela Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Hélder Rafael é um gaúcho de 35 anos. Desde 2005 atuando como jornalista em Mato Grosso do Sul, passou por revistas, jornais impressos, sites do interior e da Capital até chegar à TV Morena, em 2011, onde começou a atuar na editoria de esportes. Entre as experiências do autor como repórter estão as coberturas jornalísticas da Copa do Mundo 2014, em Cuiabá, e da Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016.

Serviço – Lançamento do livro ‘Almanaque do Futebol Sul-Mato-Grossense’. Nesta sexta-feira (7), às 18h, na livraria Leparole (Rua Euclides da Cunha, 1126, Jardim dos Estados). A entrada é gratuita. O almanaque estará à venda por R$ 35,00. Outras informações na fanpage do almanaque, no Facebook.

Jornal Midiamax