MidiaMAIS

Local onde esteve enterrado Guia Lopes é tombado pelo Ministério da Cultura

Cemitério dos Heróis fica no mesmo local onde combatentes morreram

Joaquim Padilha Publicado em 12/09/2016, às 11h40

None
tumulo_de_guialopes_.jpg

Cemitério dos Heróis fica no mesmo local onde combatentes morreram

O ministro da Cultura, Marcelo Calero Garcia, homologou nesta segunda-feira (12) o tombamento de três tumbas do Cemitério dos Heróis, no município de Jardim, onde estiveram enterrados os corpos de Guia Lopes da Laguna, do Coronel Carlos de Morais Camisão e do tenente-coronel Juvêncio Cabral de Menezes.

Localizado na margem esquerda do Rio Miranda, mesmo local em que morreram os três heróis nacionais no episódio da Retirada da Laguna, o Cemitério dos Heróis faz parte do patrimônio histórico de Jardim.

Durante mais de cinco meses em 1867, José Francisco Lopes, também conhecido como Guia Lopes, defendeu o território sul da Província de Mato Grosso ao lado dos outros dois coronéis, contra o ditador Solano López.

Em 1930, os restos mortais dos combatentes foram levados para o Rio de Janeiro, onde se encontram até hoje, em uma cripta construída em Praia Vermelha em homenagem aos "Heróis de Dourados e da Laguna".

Em 11 de julho de 2015, o Conselho  Consultivo do Patrimônio Cultural já tinha se manifestado a favor do tombamento do local onde morreram e foram enterrados pela primeira vez os heróis. O cemitério dos Heróis é de domínio da União e jurisdicionado ao Exército Brasileiro, sendo mantido pela 4ª Companhia de Engenharia de Combate Mecanizado. 

(Sob supervisão de Evelin Araujo) 

Jornal Midiamax