MidiaMAIS

Primeira formação do Canto da Terra prepara show único após 15 anos

Primeiros mil convites ganham um cd com maiores sucessos do grupo

Midiamax Publicado em 29/04/2015, às 17h04

None
img-20150428-wa0117_1.jpg

Primeiros mil convites ganham um cd com maiores sucessos do grupo

Criado em maio de 1993, o grupo Canto da Terra fez fama e conquistou milhares de fãs em todo o Estado e fora dele. Quem acompanhou a carreira dos cinco primeiros integrantes do grupo, a formação original como costumam falar, pode se animar. Os integrantes vão se reunir mais uma vez para fazer uma única apresentação no dia 20 de junho em Campo Grande.

O evento é esperado por muitos que gostam do estilo musical e os músicos ressaltam que a formação será a original com os grandes sucessos dos quatro CDs gravados por eles. Há cerca de 15 anos sem tocarem juntos em nome do grupo, os cantores seguiram rumos diferentes, o único que continuou na música foi o cantor Marlon Maciel.

“Os fãs estão esperando que a gente faça o repertório da época. O grupo, o nome do grupo, ficou muito marcado para as pessoas”, destacou Marlon.

Outro cantor do grupo, Ireno Malaquias virou engenheiro; Jorge Carvalho, voz e violão, é funcionário público e radialista; Iko Cordeiro foi morar nos Estados Unidos, mas já retornou ao Brasil; o baterista Edmilson Franco, o Feijão, atualmente trabalha como produtor musical. Os integrantes garantem que o projeto de fazer um show veio com o pedido do público.

“Nós não somos da época do CD e DVD, nós não temos nenhum registro nosso de imagem. A nossa primeira gravação foi em LP”, lembrou Maciel.

Jorge lembra que mesmo não estando no palco os músicos e cantores se reuniam, às vezes, mas que não conseguiam reunir todos de uma vez e com o show surgiu à oportunidade. “Eu moro em Camapuã e sempre encontrava como o Ireno, mas nunca reunimos todos de uma vez. Era difícil porque cada um tem sua vida”.

Sobre incorporar o sertanejo universitário no repertório do show, os músicos garantem que a apresentação será apenas do Canto da Terra e que não deve ser incorporado o estilo universitário. “Vai ser o estilo Canto da Terra. Pode ser que em outros shows, se tiver outros shows, que incorpore a música moderna. Não temos nada contra ao estilo universitário. A música é boa ou ruim e independente do estilo eu gosto de música boa”, assegurou Jorge.

O grupo já chegou a fazer 210 shows em Mato Grosso do Sul por ano, são nove CDs gravados, sendo quatro com a formação original. Para a apresentação será 34 músicas, sendo uma onde os filhos dos cinco integrantes dividem o palco e cantam junto com eles a música ‘Mais que pai e filho’, composta pelo cantor Rick.  

Sobre a apresentação única, eles afirmam que podem haver outras de acordo com o clamor do público. “É preciso ver o termômetro do público, daqueles que acreditam no nosso trabalho. É preciso que chegue o amanhã para sabermos o que faremos depois”, destacou Ireno. 

Evento

O show será realizado no dia 20 de junho, o grupo é a atração principal do Terceiro Brasileirão de Laço Comprido, que será realizado no Parque do Peão, localizado na rodovia MS-010. Os ingressos estão sendo vendidos no Gugu Lanches e os primeiros mil convites ganham um cd com os maiores sucessos do grupo.

A entrada para a pista custa R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia); Área Vip R$ 40; Camarote R$ 80 masculino e R$ 70 feminino; Mesa para oito lugares estão à venda a partir de R$ 1 mil. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3201-9100 e 9926-0188.

Confira uma prévia do que será feito no show:

Jornal Midiamax