MidiaMAIS

Músico diz que teve show cancelado por não ser ‘sertanejo universitário’

Prefeitura cancelou e pediu 'show mais popular' 

Midiamax Publicado em 16/04/2015, às 22h07

None
coxim.jpg

Prefeitura cancelou e pediu ‘show mais popular’ 

O músico Guilherme Rondon, do grupo sertanejo Chalana de Prata, usou o Facebook para desabafar após a Prefeitura de Coxim cancelar o show do grupo, marcado para o aniversário do municio, dia 26 de abril.

“O prefeito se dizendo dono da festa descobriu que o Chalana não toca sertanejo universitário e mandou cancelar o show”, postou, indignado. Segundo Rondon, o show de seu grupo tinha sido presente da Secretaria de Cultura de Mato Grosso do Sul para a Prefeitura.

Ele ainda relatou que o prefeito, Aluísio São José (PSB), “teve a cara de pau de pedir outro show para a Secretaria de Cultura”. Rondon postou imagem de ofício da Prefeitura de Coxim pedindo ao secretário de cultura Athayde Nery “um show de cunho mais popular, voltado aos jovens do nosso município”.

A publicação teve grande repercussão no Facebook, com mais de 150 curtidas e 38 compartilhamentos, todos apoiando o músico e o Chalana de Prata.

Confira a postagem na íntegra abaixo.

A que ponto chegamos … A prefeitura do município de Coxim solicitou para a Secretaria e Fundação de Cultura do MS a contratação de um show do Chalana de Prata para a festa de comemoração de aniversário da cidade dia 26 de Abril .Contato feito ,orçamento aprovado ,agendas ajustadas ( tive que antecipar minha vinda de SP com custos de remarcação de passagem ) , show confirmado .

Daí o prefeito Aluízio São José ( nome de santo !! ) se dizendo dono da festa descobriu que o Chalana não toca sertanejo universitário e mandou cancelar o show !!!

O show foi de presente ,sem custos para a prefeitura e ele recusou ….ainda teve a cara de pau de pedir outro show para a Secretaria de Cultura , de cunho mais popular ,voltado aos jovens do município . Vejam a pérola do ofício .

A Secretaria e Fundação de Cultura do MS não tem culpa nenhuma no triste episódio .

Acho que por respeito não deveriam contratar show nenhum para esse cara totalmente fora de qualquer sanidade e educação.

SOS CULTURA DO MS !

Outro lado

A Prefeitura de Coxim declarou via assessoria que houve um mal entendido. Segundo a Prefeitura, as festividades de aniversário do município foram canceladas e por isso a administração municipal pediu o cancelamento do show.

Entretanto, de acordo com a assessoria, já que a Secretaria de Cultura cedeu um artista, a Prefeitura pediu que fosse um de cunho mais popular.

A Prefeitura de Coxim ressaltou que em nenhum momento pediu que a Secretaria de Cultura bancasse qualquer show para o aniversário da cidade e ainda pediu desculpas aos músicos do Chalana pelo ocorrido. “Não faríamos isso com qualquer artista ou grupo”.

Jornal Midiamax