MidiaMAIS

Bar substitui som ao vivo por aplicativo de músicas escolhidas por clientes

Velfarre é o nome do barzinho todo tecnológico

Carol Alencar Publicado em 16/05/2015, às 09h23

None
_mg_7462.jpg

Velfarre é o nome do barzinho todo tecnológico

Na esquina das Ruas José Antônio e Barão do Rio Branco tem um barzinho um tanto quanto diferente. Ele não é totalmente alternativo, mas também não é um simples boteco. O que chamou a atenção do MidiaMAIS é que o bar Velfarre tem algo diferenciado que chama a atenção dos frequentadores: não tem música ao vivo mas tem um aplicativo próprio de música.

A explicação dos proprietários é simples: quando se tem um bar central, com vizinhança é ‘quase’ impossível conseguir um alvará que permita o barulho no ambiente.

“Tentamos algumas vezes colocar uma voz e violão, mas para não incomodar os vizinhos, aderimos a essa ideia, de fornecer o aplicativo para os clientes escolherem o que quiserem ouvir, é um atrativo enorme que conquistou a clientela e matou a nossa charada”, diz Heriko Hata, o dono.

Parece complicado mas não é. No barzinho, todos os clientes que tiverem um smarthphone, podem baixar o aplicativo Radiola Digital e pedir as músicas que estão cadastradas. Calma, se a sua música não tiver no aplicativo, você pode pedir que os proprietários dão um jeito de inseri-la no sistema.

Ainda segundo o proprietário, foram instaladas tomadas nas mesas, para que o cliente possa ficar conectado sem precisar ficar sem bateria no celular. “A ideia das tomadas é outra que chama a atenção, porque todo mundo hoje em dia tem celular e, consequentemente anda com o carregador; até o momento tem sido muito útil para quem vem aqui”, explica Rodrigo Hata, o outro dono.

Além dessa novidade, que tem agradado o público campo-grandense, o bar tem todo um estilo que também chama a atenção. Nos banheiros, tanto o feminino quanto o masculino, a parede foi toda revestida com gibis e mangás, trazidos diretamente do Japão, onde os irmãos e sócios moravam.

A curiosidade não está só nas paredes. No banheiro masculino, os mictórios são feitos de balde de cerveja e tem encanamento aparecendo, tudo como manda o figurino das tendências de arquitetura e decoração.

“Visitamos a exposição Morar Mais Por Menos em Campo Grande e vimos que uma das tendências seria reaproveitar e deixar tubos e encanamentos aparecendo; foi o que fizemos, aliás, nós mesmos, eu e meu irmão, que colocamos a mão na massa – literalmente, na construção e decoração dos banheiros”, conta Heriko. Vale lembrar que a decoração do banheiro é temática, toda estilo Mario Bross.

Como quase todos os jovens japoneses, antenados com tecnologia, os irmãos Rodrigo e Heriko pretendem investir em outro aplicativo de pedidos, só que será, um que mostra o cardápio e vai direto para a cozinha do estabelecimento. “Já existe em alguns Estados do Brasil e estamos querendo aderir, vamos ver se vai funcionar porque o aplicativo melhora o atendimento e acelera o atendimento do cliente”, pontua Rodrigo.

Jornal Midiamax