MidiaMAIS

77ª Expogrande tem abertura com homenagem de ‘obliteração’ a pecuarista

Solenidade prestigia Abílio Leite de Barros com o lançamento de um selo comemorativo do evento

Midiamax Publicado em 23/04/2015, às 23h58

None
_mg_2785.jpg

Solenidade prestigia Abílio Leite de Barros com o lançamento de um selo comemorativo do evento

Na noite da quinta-feira (23) foi realizada a solenidade de abertura da 77ª edição da Expogrande, maior feira agropecuária do Estado, organizada pelo Sindicato Rural e pela Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul). Na cerimônia, que contou com a presença de autoridades dos três Poderes, foram prestadas homenagens ao pecuarista pantaneiro Abílio Leite de Barros. Ele ganhou um selo com a sua imagem, produzido em caráter comemorativo ao evento, assim como uma placa que trouxe junto a sua fotografia as marcas da Acrissul e da exposição de 2015. 

Esse modelo de outorga dos Correios, de trazer em um selo a estampa de uma personalidade pública é denominada ‘obliteração’, deferência que já foi concedida, com parceria da Expogrande e da Acrissul, ao ex-presidente da Acrissul e líder Rural, Eduardo Machado Metello, além dos produtores agrários com liderança política, Laucídio de Souza Coelho, Lúdio Martins Coelho, Pedro Pedrossian e Wilson Barbosa Martins. 

“Durante quarenta anos da minha vida o Sindicato Rural e a Acrissul foram as minhas casas, onde passei parte considerável da minha história, e aprendi muito do que sei. Entidades que me promoveram conhecimento de vida e da Administração. Nessa cerimônia estou aqui em um altar que me colocaram com essa homenagem, um altar que eu não mereceria ser conduzido, mas agradeço de coração”, discursou Abílio, nascido em Corumbá no ano de 1929, onde viveu até os 10 anos de idade na Fazenda Rancharia, de propriedade da família. 

Chico Maia, presidente da Acrissul fez questão de lembrar o merecimento de Abílio pelas homenagens, pelo fato dele simbolizar uma referência aos produtores rurais, em virtude da sua biografia, como empresário, como cidadão e como pai de família. O dirigente afirmou na abertura da 77ª Expogrande que a criação de um selo com a fotografia de Abílio significa o reconhecimento pela tradição que a Acrissul tem no Estado, ativa desde 1933.

“Há 77 anos de exposições os produtores rurais vem aqui e assimilam novidade, tem acesso a novas tecnologias por meio desse evento. Depois disso voltam para as suas propriedades com uma referência tecnológica, capaz de melhorar a competitividade e qualidade das suas atividade, por meio de uma produção incrementada em manejo, modernizada e com sincronia aos avanços do mundo do Agronegócio. Essa é a grande razão da longevidade da Expogrande, cada ano mais bonita e mais prestigiada”, valorizou Chico Maia, que organiza como presidente da Acrissul a sua última Expogrande em 2015.

Jornal Midiamax