Geral

Servidores do Judiciário Federal de MS decidem na próxima quarta se entram em greve

A categoria que está em estado de greve

Diego Alves Publicado em 16/06/2015, às 01h50

None
justica.jpg

A categoria que está em estado de greve

Servidores do Ministério Público da União de Mato Grosso do Sul e do Judiciário Federal decidem na próxima quarta-feira (17), se entram ou não em greve. O funcionários públicos se reuniram na tarde desta segunda-feira (15), em frente ao prédio da Justiça Federal no Parque dos Poderes em Campo Grande.

Por conta de uma defasagem de nove anos, a categoria pleiteia um reajuste de 54%, de acordo com Antonio Cesar Medina, um dos coordenadores do Sindjufe-MS (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União em Mato Grosso do Sul).

A categoria que está em estado de greve fará uma assembleia às 15 horas da próxima quarta-feira (15), para decidirem se entram em greve por tempo indeterminado. Atualmente, são aproximadamente 2,5 mil servidores que atuam no judiciário federal de MS, nos cargos de técnico, analista e auxiliare (cargo antigo quase em extinção). O salário base de um técnico judiciário é de R$ 6 mil e de um analista em torno de R$ 5 mil.

Jornal Midiamax