Geral

Governo realiza convênio com prefeitura de Costa Rica para construção da sede do Imasul

Convênio do Governo do Estado autoriza o repasse de R$ 339,3 mil 

Midiamax Publicado em 12/02/2015, às 19h24

None
img-20150212-wa0076.jpg

Convênio do Governo do Estado autoriza o repasse de R$ 339,3 mil 

O governador Reinaldo Azambuja assinou na tarde desta quinta-feira (12) um convênio entre o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) e a prefeitura de Costa Rica, município que fica a 384 quilômetros de Campo Grande. O convenio é para a construção de prédio de apoio do Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari.

Com o convênio o Governo do Estado autoriza o repasse de R$ 339,3 mil de recursos para a construção. Além do apoio ao parque, no local será instalado o escritório regional norte do Imasul. De acordo com o secretario de Estado de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Jaime Verruck, o prédio vai ajudar a melhorar o desenvolvimento do turismo e também dos licenciamentos.

“Estamos estruturando essa área tanto para atender a questão ambiental, tanto para atender a sustentação dos visitantes do parque e da unidade de conservação”, afirmou.

O prefeito de Costa Rica, Waldeli dos Santos Rosa, acredita que o município pode se desenvolver mais com investimento no turismo. De acordo com Rosa, a cidade possui quatro parques, sendo dois municipais, um estadual e um federal. “A prefeitura arrecada indiretamente com o aumento no turismo, é o hotel que tem mais clientes, o mercado que vende mais e os passeios que podem ser feitos”.

Ainda de acordo com Rosa, além do convenio para a construção do prédio a prefeitura pretende conseguir com o Governo do Estado RS 4,5 milhões para as melhorias no Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari. “Esse dinheiro está garantido pela compensação da Ferro Norte, só precisamos da aprovação da PGE (Procuradoria Geral do Estado) e aí efetivar o investimento”.

O prefeito acredita que o repasse do dinheiro deve ser feito ainda esse semestre e nos próximos 60 dias o governo deve dar um posicionamento sobre o repasse. Além do Costa Rica, o parque tem áreas no município de Alcinópolis, a 387 km da Capital.

Parque

O parque tem 30,6 mil hectares de área e fica a 70 km da região urbana de Costa Rica. Ele foi fundado em 1999 e há quatro anos está sendo feito o plano de manejo para o uso do parque como ponto turístico.

Uma empresa nacional fez a compensação da área de preservação doando 400 hectares e ainda doou o projeto do uso do parque como ponto turístico. A intenção do Governo do Estado é realizar um turismo de baixo impacto com contemplação da natureza, salto de tirolesa e outras atividades.

Uma de suas grandes riquezas são os Sítios Arqueológicos, além de um cenário de ampla beleza cênica, que se compõe por um conjunto de seis grandes canyons, trabalho de milhões de anos de escavação na borda ocidental do Planalto Central Brasileiro.

Jornal Midiamax