Geral

SP: 1º de maio da Força Sindical tem “banana” a Dilma

Nomes de oposição à presidente Dilma Rousseff (PT) nas eleições de outubro criticaram a ausência da petista, nesta quinta-feira, na festa do 1º de maio promovida pela Força Sindical no Campo de Bagatele, zona norte de São Paulo. O presidente da Força, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, do Partido da Solidariedade, pediu […]

Arquivo Publicado em 01/05/2014, às 17h18

None

Nomes de oposição à presidente Dilma Rousseff (PT) nas eleições de outubro criticaram a ausência da petista, nesta quinta-feira, na festa do 1º de maio promovida pela Força Sindical no Campo de Bagatele, zona norte de São Paulo.
O presidente da Força, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, do Partido da Solidariedade, pediu aos trabalhadores uma “banana” simbólica à presidente –comparando o gesto ao de um torcedor espanhol que, dias atrás, lançou uma banana ao brasileiro Daniel Alves. O ato de racismo gerou uma onda de reações contrárias na sociedade brasileira. Em campo, o jogador comeu a banana lançada da arquibancada.

“Vocês viram aquela banana para o Daniel Alves? Vocês têm coragem de mandar uma banana para a Dilma? Toma aqui, presidente!”, pediu Paulinho, prontamente atendido pela platéia.

Em seguida, o dirigente destacou que a entidade convidou para o evento “os principais candidatos à Presidência, como sempre fizemos”, e observou que, dos três primeiros colocados nas pesquisas de intenção de voto, apenas Dilma não teria aceitado o convite.

Jornal Midiamax