Geral

Pronto Atendimento Pediátrico vai atender apenas os filhos dos servidores

O Pronto Atendimento Pediátrico que está sendo inaugurado no bairro Amambaí vai atender 9.600 crianças e adolescentes, de zero até 17 anos, filhos de servidores municipais, que pagam pelo plano de saúde. Ele vai funcionar no Centro de Diagnóstico Daniel Bertolati, no bairro Amambaí. Com um minipronto-socorro, o Pape terá de dois a três médicos, […]

Arquivo Publicado em 20/02/2014, às 13h29

None

O Pronto Atendimento Pediátrico que está sendo inaugurado no bairro Amambaí vai atender 9.600 crianças e adolescentes, de zero até 17 anos, filhos de servidores municipais, que pagam pelo plano de saúde. Ele vai funcionar no Centro de Diagnóstico Daniel Bertolati, no bairro Amambaí.

Com um minipronto-socorro, o Pape terá de dois a três médicos, número que poderá ser ampliado conforme a demanda – segundo a diretora-presidente do Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande, Lillian Maksoud – e vai funcionar também com um Centro de Diagnóstico.

O prédio já existia, mas a partir do próximo mês passará a oferecer o serviço de pediatria. Até mesmo o vereador e médico Paulo Siufi (PMDB), que faz parte da base de apoio do prefeito, reconhece que faltam pediatras em Campo Grande. “A inauguração mostra que o Bernal está preocupado com a saúde”, afirmou o parlamentar.

O plano de saúde do município tem 21 mil dependentes.

Jornal Midiamax