Geral

Perigo no ponto: mês já teve 12 ataques de motociclistas a mulheres em paradas de ônibus

Mais uma mulher foi roubada enquanto esperava o transporte coletivo urbano em Campo Grande. Este já é o 12º roubo neste mês de setembro, os crimes acontecem de segunda a sexta-feira e as vítimas são mulheres que aguardam ônibus, sozinhas, para ir ao trabalho. Os assaltos têm os mesmos procedimentos, sendo praticados por dois homens em […]

Arquivo Publicado em 16/09/2014, às 10h51

None
1976603215.jpg

Mais uma mulher foi roubada enquanto esperava o transporte coletivo urbano em Campo Grande. Este já é o 12º roubo neste mês de setembro, os crimes acontecem de segunda a sexta-feira e as vítimas são mulheres que aguardam ônibus, sozinhas, para ir ao trabalho.


Os assaltos têm os mesmos procedimentos, sendo praticados por dois homens em uma motocicleta e armados com um revólver ou faca. Eles ocorrem entre às 5 horas e 5h40, nas mesmas regiões, sul ou sudeste. Além disso, todas as vítimas descreveram a dupla com as mesmas características. Os casos foram registrados nas Depacs(Delegacias de Pronto Atendimento Comunitário).


Crime


Por volta das 5 horas desta terça-feira (16), uma mulher de 44 anos, que estava em um ponto de parada de ônibus na Rua Japão, na divisa entre o Jardim Joquéi Club e Vila Marcos Roberto, foi abordada por dois homens em uma motocicleta. O garupa foi até a direção dela e com uma faca anunciou o roubo.


Em seguida, pegou a bolsa da vítima e fugiu com o comparsa. Foram levados os documentos da mulher, molho de chaves e um aparelho celular. Um dos suspeitos, o garupa, é descrito como tendo aproximadamente 1,75 metro de altura e é de cor parda.

Jornal Midiamax