Geral

Pedro Chaves diz que projeto que inclui prédio da Câmara já está na Planurb

Pedro Chaves, secretário de governo da Prefeitura de Campo Grande, declarou que o projeto do centro administrativo, que inclui prédio da Câmara dos vereadores, já está na Planurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano). O secretário ainda alegou que a construção será feita com “recurso extraordinário federal”, uma vez que não está incluído no orçamento deste […]

Arquivo Publicado em 06/02/2014, às 13h48

None

Pedro Chaves, secretário de governo da Prefeitura de Campo Grande, declarou que o projeto do centro administrativo, que inclui prédio da Câmara dos vereadores, já está na Planurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano). O secretário ainda alegou que a construção será feita com “recurso extraordinário federal”, uma vez que não está incluído no orçamento deste ano.

Reunião na sexta ou segunda-feira discutirá a questão do prédio da Câmara. O prazo para os vereadores serem despejados é dia 24 de abril. “Não vejo problema em prolongar o contrato para permanecerem onde estão”, disse Chaves. O prefeito Alcides Bernal não quis falar sobre o assunto.

Entenda o caso

O prédio da Câmara pertence a Haddad Engenheiros Associados Ltda. O contrato incial, de 2000 a 2005, acabou e não foi renovado. A empresa havia cobrado aluguel de R$ 35 mil. O Ministério Público considerou o valor abusivo e reduziu em R$ 11 mil. A Haddad recebeu os R$ 11 mil mensais até 2005.

Depois disso, em 2011 os engenheiros entraram com ação para despejo. A Justiça determinou em fevereiro de 2013 o despejo dos vereadores até 24 de abril. Estuda-se a construção do centro administrativo, com um novo prédio para os vereadores.

Jornal Midiamax