Geral

Pato marca, mas São Paulo fica no empate com Coritiba

Jogando no Pacaembu – o Morumbi está reservado para show da banda One Direction -, o São Paulo teve atuação irregular e ficou no empate por 2 a 2 com o Coritiba. A equipe do técnico Muricy Ramalho saiu na frente com gol de Alexandre Pato (que fez seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro), mas […]

Arquivo Publicado em 03/05/2014, às 23h33

None

Jogando no Pacaembu – o Morumbi está reservado para show da banda One Direction -, o São Paulo teve atuação irregular e ficou no empate por 2 a 2 com o Coritiba. A equipe do técnico Muricy Ramalho saiu na frente com gol de Alexandre Pato (que fez seu primeiro gol no Campeonato Brasileiro), mas levou a virada e igualou o marcador no segundo tempo, com Ademílson.

Com o tropeço, o São Paulo chega a cinco pontos em três jogos, enquanto o Coritiba viu seu terceiro empate e chegou a três pontos. A equipe de Muricy tem como próximo compromisso pelo Brasileiro o clássico contra o Corinthians, no domingo, às 16h, enquanto os paranaenses recebem o Sport mais tarde, às 18h30.

O time tricolor entrou em campo com mudanças em relação à equipe que vinha jogando. Ganso e Boschilia foram para o banco e deram lugar a Osvaldo e Pabón. Na lateral direita, Luís Ricardo foi novamente escalado, uma vez que o titular Douglas está fora por conta de lesão.

A partida começou com muitos erros de ambos os lados, e foi por conta de uma dessas falhas que o placar foi inaugurado. Aos 20min, Pabón cobrou escanteio e a marcação do Coritiba desviou a bola para trás. Pato aproveitou a situação e completou para o fundo das redes. O momento animou o São Paulo, que buscou ampliar em lances de Pabón e Maicon que encontraram ou o goleiro Vanderlei ou o árbitro, que esteve na frente do chute do meio-campista.

A vantagem tricolor, entretanto, não durou muito tempo. Aos 29min, Gil aproveitou espaço deixado por Luís Ricardo e cruzou na área são-paulina. Zé Eduardo furou o chute, mas Robinho completou o lance para igualar o marcador. O restante do primeiro tempo viu um Coritiba mais efetivo, que explorava os furos da defesa do time da casa. A situação fez com que vaias fossem ouvidas no Pacaembu ao apito do juiz para o intervalo.

A partida voltou equilibrada do intervalo, mas com baixo nível técnico. O Coritiba tinha a posse da bola, sem produzir grande coisa, enquanto o São Paulo errava seus contra-ataques. Tentando melhorar a situação do jogo, Muricy sacou o apagado Osvaldo e lançou Ganso ao campo. O que ocorreu, entretanto, foi gol paranaense: aos 15min, Chico cobrou falta na área tricolor e a bola seguiu ao fundo das redes sem desvio.

A desvantagem no placar fez com que o São Paulo se lançasse mais ao ataque. Pabón deu lugar a Ademílson e foi hostilizado pela torcida tricolor enquanto saía do jogo. Instantes depois, a troca de Muricy se mostrou acertada. Aos 26min, Ganso deu ótimo passe e Ademílson tocou por cima do goleiro Vanderlei. O time tricolor tentou a vitória nos minutos que restou e lamentou cabeçada de Luís Fabiano aos 48min, que bateu na trave.

Jornal Midiamax