Geral

Operação Corpus Christi termina sem registro de morte nas rodovias do Estado

Foram registrados 33 acidentes, com 15 feridos e nenhuma morte, número inferior ao registrado em 2013, durante a Operação Corpus Christi, da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A fiscalização especial, neste ano, começou à meia-noite da última quinta-feira (19) e terminou à meia-noite de domingo (22). De acordo com a PRF, 5.461 veículos e 5.229 pessoas foram […]

Arquivo Publicado em 23/06/2014, às 13h38

None

Foram registrados 33 acidentes, com 15 feridos e nenhuma morte, número inferior ao registrado em 2013, durante a Operação Corpus Christi, da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A fiscalização especial, neste ano, começou à meia-noite da última quinta-feira (19) e terminou à meia-noite de domingo (22).

De acordo com a PRF, 5.461 veículos e 5.229 pessoas foram fiscalizadas e 1.117 testes de alcoolemia aplicados, o que resultou em nove prisões por embriaguez e 1.104 autuações. Em 2013, no feriado de Corpus Christi, a PRF registrou 60 acidentes, com 40 feridos e seis mortes.

Fiscalização

O policiamento ocorreu em locais e horários de maior incidência de acidentes com mortes e feridos, com o objetivo de reduzir os números nos 3.671,1 quilômetros de rodovia em Mato Grosso do Sul.

A PRF priorizou ações preventivas para redução da violência do trânsito e de acidentes relacionados a excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagens proibidas e falta de uso de segurança. Motocicletas e ciclomotores também fizeram parte da fiscalização, devido aos altos índices de letalidade.

Jornal Midiamax