Geral

Mato Grosso do Sul vai sediar ‘Oscar da Gastronomia’ 2015

O próximo prêmio Dolmã – considerado o ‘Oscar’ da gastronomia brasileira – vai acontecer em Campo Grande. A escolha da Capital Morena para sede da próxima premiação aconteceu durante a realização do evento este ano, em Recife (PE). Vice-presidente do Comitê Permanente de Gastronomia do Brasil, Claudia Girelli, conta que a briga foi boa. Mas […]

Arquivo Publicado em 02/06/2014, às 17h38

None
1505962208.jpg

O próximo prêmio Dolmã – considerado o ‘Oscar’ da gastronomia brasileira – vai acontecer em Campo Grande. A escolha da Capital Morena para sede da próxima premiação aconteceu durante a realização do evento este ano, em Recife (PE).

Vice-presidente do Comitê Permanente de Gastronomia do Brasil, Claudia Girelli, conta que a briga foi boa. Mas apesar de o Mato Grosso do Sul ter disputado com Paraná e com Minas Gerias, um dos estados brasileiros mais famosos por sua gastronomia, o sabor pantaneiro levou a melhor.

Girelli credita a vitória na escolha de Campo Grande, pelo bom momento que vive o estado. “A gastronomia do cerrado pantaneiro está em destaque. O Paulo (Paulo Machado, um dos chefs mais renomados do país, que é de MS) anda por todos os cantos do mundo divulgando a gastronomia do pantanal. Além disso, o turismo de ecologia também está em alta. Prova disso lembra é o prêmio que Bonito ganhou como melhor destino de ecoturismo do mundo”, diz.

Além disso, ela conta que o empenho das entidades envolvidas foi fundamental para a decisão. “Trabalhamos muito, e isso foi essencial. E também já saímos na frente porque contamos com o apoio da Abrasel, temos o aval deles. A estatueta, inclusive, vai ficar lá”, diz sobre a escultura que roda os estados onde será presidido o prêmio.

Para o ano que vem, Claudia conta que o evento terá muitas novidades. Entre elas, um encontro que vai acontecer antes da festa para discutir a questão da brasilidade da gastronomia. “Vai acontecer em maio, um pouco antes do evento em si”, diz.

Jornal Midiamax