Geral

Jovem desiste de pular de viaduto e invade delegacia gritando ‘eu quero morrer’

Um homem de aproximadamente 25 anos se jogou na frente de um ônibus, deitou-se na pista e entrou no Cepol (Centro Especializado de Polícia Integrada) gritando que queria morrer. O fato aconteceu na tarde desta sexta-feira (19), na Avenida Ceará em Campo Grande. Antes de entrar no Centro Especializado, ele tentou se jogar do viaduto localizado […]

Arquivo Publicado em 19/09/2014, às 20h44

None
102854308.jpg

Um homem de aproximadamente 25 anos se jogou na frente de um ônibus, deitou-se na pista e entrou no Cepol (Centro Especializado de Polícia Integrada) gritando que queria morrer. O fato aconteceu na tarde desta sexta-feira (19), na Avenida Ceará em Campo Grande.

Antes de entrar no Centro Especializado, ele tentou se jogar do viaduto localizado na Avenida Afonso Pena, sobre a Ceará.

De acordo com policiais civis, o homem que aparenta ter problemas psiquiátricos, aparentemente estava com uma fratura em um dos braços. Antes de entrar gritando na Cepol, o rapaz se atirou em frente de um ônibus e deitou-se no asfalto.

Atordoado, o jovem dizia que ninguém queria saber dele, “nem minha mãe”. Ele dizia que sua vontade era o de ir para um cemitério para “dormir e nunca mais acordar”. Ele também disse aos bombeiros e aos policiais que já foi internado três vezes.

O rapaz que vestia apenas um short, foi levado pelo Corpo de Bombeiros para atendimento psiquiátrico. Os bombeiros também tentam contato com a família dele.


Jornal Midiamax