Jardineiro suspeito de manter adolescente em cárcere já entrou com pedido de liberdade

A defesa do jardineiro Dirceu Benites, de 40 anos, suspeito de manter a companheira, uma adolescente de 17 anos em cárcere, entrou nesta quarta-feira (27), com um pedido de liberdade provisória, de acordo com a advogada Rosana Tognini. Conforme a advogada, o pedido de prisão preventiva feito pelo delegado da Depca (Delegacia Especializada em Proteção […]
| 28/08/2014
- 02:09
Jardineiro suspeito de manter adolescente em cárcere já entrou com pedido de liberdade

A defesa do jardineiro Dirceu Benites, de 40 anos, suspeito de manter a companheira, uma adolescente de 17 anos em cárcere, entrou nesta quarta-feira (27), com um pedido de liberdade provisória, de acordo com a advogada Rosana Tognini.

Conforme a advogada, o pedido de prisão preventiva feito pelo delegado da Depca (Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente), foi feito com base no depoimento da vítima, dizendo que ele era muito perigoso, e teve parecer favorável do Ministério Público. Agora, a defesa aguarda a conclusão do pedido de liberdade.

Caso

O caso veio à tona na última terça-feira (19). A adolescente foi até uma farmácia e deixou um pedido de ajuda no verso de uma receita médica. A atendente acionou a polícia que foi até a casa onde a adolescente estaria sendo mantida em cárcere, com o filho bebê.

A garota relatou à polícia que em pouco tempo de namoro com Dirceu, ela já ficou grávida. Demonstrando afeto, ele convenceu a vítima de parar de trabalhar e a levou para morar na casa da mãe. Posteriormente, ela descobriu que ele era caso e usava um nome falso e ele a levou para morar com a ex-mulher e os filhos na casa onde foi encontrada.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias