Geral

Intérpretes e compositores de MS viram personagens em espetáculo de dança

Helena Meireles, Delio e Delinha, Dino Rocha, Zacarias Mourão e Almir Sater são os grandes homenageados do espetáculo “Trilhos da Terra”. As apresentações que acontecem na próxima terça e quarta-feira, 11 e 12 de março, às 20h, no Teatro Aracy Balabanian, são gratuitas e levam ao público sensações de encontros, saudades, corações partidos, amores ardentes […]

Arquivo Publicado em 09/03/2014, às 17h51

None
780086870.jpg

Helena Meireles, Delio e Delinha, Dino Rocha, Zacarias Mourão e Almir Sater são os grandes homenageados do espetáculo “Trilhos da Terra”. As apresentações que acontecem na próxima terça e quarta-feira, 11 e 12 de março, às 20h, no Teatro Aracy Balabanian, são gratuitas e levam ao público sensações de encontros, saudades, corações partidos, amores ardentes e ciúmes desmedidos.

Contemplada com o “Prêmio Célio Adolfo de Incentivo à Dança 2013”, na categoria Novos Criadores da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), a Cinese Cia. de Dança apresenta o show que é uma verdadeira reverência a alguns dos mais importantes intérpretes e compositores sul-mato-grossenses.

“A intenção deste espetáculo é hibridizar a dança e a história musical do estado, buscando um entendimento maior sobre a influência da música em nossas vidas. Em alguns momentos somos acompanhados pela música e com ela marcamos histórias, relembramos momentos e experimentamos novas sensações”, revela o dançarino e coreógrafo, Leonardo Borges.

“Trilhos da Terra” é o primeiro trabalho da Cia.. Composta por sete interprétes-criadores, o grupo se uniu há pouco mais de um ano, quando decidiram se reunir para estudo teórico e corporal sobre a dança de salão a partir do olhar contemporâneo.

Conforme explica Ana Loureiro, dançarina e coreógrafa, “a proposta do espetáculo surgiu a partir da vontade dos integrantes em difundir a música de MS, mostrando que é possível novas leituras para a dança de salão e pela importância da valorização de nossa cultura”.

Tudo se desenvolve no espetáculo conforme a trajetória da música do Mato Grosso do Sul desde a década de 1960 (quando ainda era Mato Grosso). Com referência aos artistas pioneiros do estado, a apresentação se solidifica com alguns elementos que vão evidenciar no palco. O objetivo é trazer para perto do público um pouco da cultura regional e das muitas histórias contadas pelas canções ou fatos vividos pelos músicos.

Dessa forma, a Cia. Cinese irá mostrar o grande desafio de incorporar a dança de salão contemporânea, partindo da estrutura das danças de salão e modificando-as para novas linhas de movimento e danças a dois, por meio do contato.

As apresentações de “Trilhos da Terra” serão na próxima terça e quarta-feira, 11 e 12 de março, às 20h, no Teatro Aracy Balabanian, Rua 26 de Agosto, 453. O evento é gratuito, porém para garantir a entrada, é necessário pegar os ingressos com até meia hora de antecedência no mesmo local.

Jornal Midiamax