Geral

Integrantes do MST ocuparam fazendas em Marabá, no Pará

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam duas fazendas em Marabá, no sudeste do Pará, no último fim de semana. Cerca de 1.200 famílias começaram a construir barracas nas áreas das propriedades rurais. De acordo com o Movimento, as fazendas estariam dentro de terras públicas e improdutivas, e teriam envolvimento em atividade de […]

Arquivo Publicado em 09/06/2014, às 12h19

None

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam duas fazendas em Marabá, no sudeste do Pará, no último fim de semana. Cerca de 1.200 famílias começaram a construir barracas nas áreas das propriedades rurais.

De acordo com o Movimento, as fazendas estariam dentro de terras públicas e improdutivas, e teriam envolvimento em atividade de desmatamento de castanheiras.

A administração de uma das fazendas diz que há plantação de eucalipto na área. Os responsáveis pela outra propriedade afirmam que no espaço há criação de gado.

Nesta segunda-feira (9), uma comissão de negociação do acampamento deve ir até o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Marabá a fim de pressionar o órgão para a elaboração de um laudo sobre as áreas.

Jornal Midiamax