Geral

Homem é agredido e tem pertences queimados por colegas de trabalho

Um homem procurou a Delegacia de Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo, município a 97 quilômetros de Campo Grande, na manhã desta terça-feira (26) para relatar violência sofrida por colegas de trabalho no domingo. De acordo com a Polícia Civil, a vítima, de 57 anos, estava no alojamento da propriedade rural em que trabalha, quando […]

Arquivo Publicado em 26/08/2014, às 15h22

None
941121179.jpg


De acordo com a Polícia Civil, a vítima, de 57 anos, estava no alojamento da propriedade rural em que trabalha, quando dois colegas, identificados como Edilson e Wilmar bateram na porta do quarto para convidá-la para beber. O homem afirmou que não bebe e, por isso, não aceitou o convite.

Os colegas voltaram a bater na porta do quarto da vítima e, quando o homem abriu, jogaram pinga no rosto dele. Ele voltou a fechar a porta, que foi arrombada pelos dois rapazes, que começaram a agredi-lo com pauladas e também facadas. A vítima afirmou que a dupla dizia o tempo todo que o mataria.

O trabalhador conseguiu fugir e se escondeu em um matagal até se recuperar. Ele procurou ajuda de outros colegas e do dono da propriedade. Quando voltou ao alojamento, viu que todas as suas roupas e os pertences haviam sido queimados. O proprietário da fazenda ainda levou a vítima até o hospital para receber atendimento médico.

A Polícia Civil investiga o caso, que foi registrado como homicídio doloso, quando há intenção de matar, na forma tentada.



Jornal Midiamax