Geral

Homem come mais de 20 espetinhos, não paga, ameaça e quebra casa de vendedora

O vendedor ambulante Maurício Fernandes da Silva, conhecido como Mauricinho, de 27 anos de idade, foi preso pela Polícia Militar, depois de comer mais de 20 espetinhos, não pagar a conta, ameaçar a comerciante dona da barraca e ainda quebrar o portão da casa dela. O fato aconteceu na noite de terça-feira (4) por volta […]

Arquivo Publicado em 05/03/2014, às 11h15

None

O vendedor ambulante Maurício Fernandes da Silva, conhecido como Mauricinho, de 27 anos de idade, foi preso pela Polícia Militar, depois de comer mais de 20 espetinhos, não pagar a conta, ameaçar a comerciante dona da barraca e ainda quebrar o portão da casa dela.

O fato aconteceu na noite de terça-feira (4) por volta das 20h30 quando Maurício, que havia sofrido uma queda de moto em frente da barraca de espetinho de Gislaine Mariano, de 32 anos, na Avenida Souza Lima, no Conjunto Cohab, resolveu aproveitar a “parada” e comer alguns espetinhos.

O problema é que depois de consumir 20 espetinhos, com a conta chegando a mais de R$ 50 Maurício disse que não iria pagar e além disso, passou a ameaçar a comerciante dizendo que iria matá-la e que ela não sairia viva.

Dizendo isso ele deixou o local mas um vizinho de Gislaine chegou logo depois, afirmando que Maurício, que também mora na Cohab, estaria quebrando a sua casa, que fica nas proximidades do ponto de venda de espetinho.

A polícia foi acionada e em rondas pela região localizou o acusado nas proximidades do local com uma motocicleta branca ao ser abordado, Maurício não portava nenhum documento pessoal nem da moto.

Maurício foi encaminhado à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário e vai responder pela acusação de ameaça e ainda pelos danos causados na casa de Gislaine.

Jornal Midiamax