Focado em público web, site oferece dinheiro para usuários verem suas propagandas

Todos os dias, as caixas de email da maioria das pessoas são lotadas de propagandas inúteis, spans e um monte de coisa que elas não têm o menor interesse em saber. Enquanto isso, conteúdo que interessaria à pessoa, mesmo sendo publicitário, acaba sem chegar até o internauta. Pensando nisso, os empresários campo-grandenses Eduardo Jorge Warde, […]
| 04/08/2014
- 20:40
Focado em público web, site oferece dinheiro para usuários verem suas propagandas

Todos os dias, as caixas de email da maioria das pessoas são lotadas de propagandas inúteis, spans e um monte de coisa que elas não têm o menor interesse em saber. Enquanto isso, conteúdo que interessaria à pessoa, mesmo sendo publicitário, acaba sem chegar até o internauta.

Pensando nisso, os empresários campo-grandenses Eduardo Jorge Warde, de 39 anos, e Derik Godoy, de 23 anos, ousaram e criaram o site ‘Gosto Disso’, que oferece conteúdo personalizado aos seus usuários. E eles ainda ganham por isso. Como assim?

A plataforma, que levou três anos para ficar pronta, e está há 40 dias no ar, funciona como um gerador de conteúdos publicitários. Para recebê-los o usuário precisa se cadastrar e selecionar o que lhe interessa. Gastronomia, entretenimento, música, viagens, cultura, moda, saúde e outros segmentos estão disponíveis através de anúncios, notícias, conceitos e ideias divulgadas diariamente pelos empresários, que pagam para o usuário ver a propaganda.

“A grande vantagem desse sistema é que o usuário, além de ter acesso apenas ao que interessa a ele, ganha para assistir o conteúdo. É uma bonificação”, explica Eduardo Jorge.

Para o empresário, a vantagem é que como o usuário escolhe por categorias e subcategorias o que lhe interessa, o empreendedor vai ter seu material publicitário encaminhado somente para quem, realmente, tem o interesse em vê-lo.

“A vantagem da empresa é que ela encontra o target dele. Não fica procurando, testando. O sistema dá todos os recursos para selecionar conforme o público que quer atingir”, diz Derik Godoy.

“Por exemplo, se eu vou lançar um produto de moda, para mulheres acima de 30 anos, a minha loja vai ficar na rua X, posso escolher tudo isso e encaminhar meu conteúdo ao público especifico”, emenda Eduardo, já que a composição das categorias-padrão mais as subcategorias resultam em mais de 70 opções, que podem ser escolhidas e filtradas pelo próprio usuário.

O site tem duas opções de cadastro: simples ou como anunciante. Ambos são gratuitos. Mas enquanto o anunciante é gerador de conteúdo, o usuário simples é consumidor.

No caso do usuário simples, o site avalia o perfil cadastrado e envia somente o que for relevante para a página pessoal dele, conforme as opções escolhidas. Já quem optar por fazer um anúncio no site, precisa definir o tipo de mídia que quer realizar a divulgação, podendo ser em áudio, imagem, texto ou vídeo. Depois é só seguir passos e determinar data, título, descrição e uma imagem que vai resumir a proposta que vai ser oferecida.

Os anunciantes ainda têm a possibilidade de gerar cupons de desconto (voucher) para potencializar ainda mais a venda e a divulgação do produto.

Últimas notícias