Deputados de Mato Grosso do Sul se revoltam com contestação de São Paulo sobre ICMS

Alguns dos deputados estaduais mostraram descontentamento com a contestação do Estado de São Paulo sobre a redução do ICMS em Mato Grosso do Sul durante a sessão desta terça-feira (12). O deputado Eduardo Rocha (PMDB) disse que a intenção do Estado vizinho é impedir e desestimular Mato Grosso do Sul de crescer. “Nova Andradina sofreu […]
| 12/08/2014
- 18:33
Deputados de Mato Grosso do Sul se revoltam com contestação de São Paulo sobre ICMS

Alguns dos deputados estaduais mostraram descontentamento com a contestação do Estado de São Paulo sobre a redução do ICMS em Mato Grosso do Sul durante a sessão desta terça-feira (12). O deputado Eduardo Rocha (PMDB) disse que a intenção do Estado vizinho é impedir e desestimular Mato Grosso do Sul de crescer.

“Nova Andradina sofreu com a saída do frigorífico. Em 2009, São Paulo zerou a lista da carne e a paulistana Cesp (Usina Hidrelétrica de Jupiá) se beneficia muito com as turbinas que tem aqui no Estado. Sou paulista de nascimento, mas não acho justo eles contestarem tanto o imposto aqui”, reclamou.

Para o deputado estadual Zé Teixeira (DEM), a responsabilidade sobre desoneração de carga tributária é do governo federal. “A federação que faz o regulamento dos incentivos”. Para Amarildo Cruz (PT), é preciso rever a questão do ICMS o quanto antes.

Últimas notícias