Geral

Com aumento de casos de violência contra mulher, OAB desenvolverá trabalho preventivo

A Comissão Provisória de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra Mulher da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), se prepara para realizar trabalho preventivo para acabar com a violência contra mulher. Amanhã (10), às 18h, será realizada uma reunião todos os militantes que trabalham na defesa da causa. A […]

Arquivo Publicado em 09/02/2014, às 17h48

None

A Comissão Provisória de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra Mulher da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), se prepara para realizar trabalho preventivo para acabar com a violência contra mulher. Amanhã (10), às 18h, será realizada uma reunião todos os militantes que trabalham na defesa da causa.


A presidente da comissão, Tatiana Ujacow, explica que a atuação do grupo será voltada para prevenção. “Nosso trabalho também será de levar informação para as mulheres, com uma atuação preventiva, abordando as formas de violência e como buscar ajuda”, afirmou.


O objetivo do debate é traçar as prioridades de atuação da comissão para este ano e para o mês da mulher, comemorado em março. Os registros de violência contra mulher na Capital e interior do Estado motivaram a criação da Comissão. O encontro contará com o apoio de outras comissões da Seccional.


Dados


Segundo a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), no ano de 2013 foram registrados 5.640 boletins de ocorrência. A Central de Atendimento à Mulher, do Governo Federal, recebe denúncias por meio do telefone 180. Já em Mato Grosso do Sul, há o disque denúncia 0800 67 1236, da Defensoria Pública da Mulher, e a Delegacia de Atendimento à Mulher, no (67) 3384-1149.

Jornal Midiamax