Geral

Cento e cinquenta guardas municipais da Capital andarão armados a partir de 2015

O coronel Jonys Cabrera Lopes, responsável pela Guarda Municipal de Campo Grande, declarou nesta quinta-feira (6), durante a formação de guardas municipais na Escola do Governo, que 150 dos 1.380 guardas andarão armados a partir de 2015. A seleção começa em março e como a compra das armas não está no orçamento deste ano, os […]

Arquivo Publicado em 06/02/2014, às 12h29

None
883195786.jpg

O coronel Jonys Cabrera Lopes, responsável pela Guarda Municipal de Campo Grande, declarou nesta quinta-feira (6), durante a formação de guardas municipais na Escola do Governo, que 150 dos 1.380 guardas andarão armados a partir de 2015.

A seleção começa em março e como a compra das armas não está no orçamento deste ano, os guardas só terão direito ao armamento no ano que vem.

“Em março começa o processo. Haverá licitação para contratar empresa que vai fazer a formação e treinamento destes guardas”, explica o coronel. A seleção será feita através de exames de saúde, psicológicos, físicos e teóricos.

Os 150 melhores colocados receberão o armamento. Encerrado o processo de seleção, a Prefeitura de Campo Grande fechará convênio com a Polícia Federal para liberar o porte das armas.

Também será ministrado curso aos guardas municipais, atendendo à exigência de 400 horas aula do Ministério da Justiça.

Jornal Midiamax