Geral

Capataz é multado em R$ 1,3 mil por uso de motosserra e exploração de madeira ilegais

Capataz de fazenda é multado em R$ 1,3 mil por uso de motosserra e exploração de madeira ilegal nesta quarta-feira (17) no Pantanal da Nhecolândia, em Rio Verde, a 194 quilômetros de Campo Grande. A PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou o capataz com o maquinário sem o LPU (Documento de Porte e Uso). Ele também […]

Arquivo Publicado em 18/09/2014, às 12h41

None
452131814.jpg

Capataz de fazenda é multado em R$ 1,3 mil por uso de motosserra e exploração de madeira ilegal nesta quarta-feira (17) no Pantanal da Nhecolândia, em Rio Verde, a 194 quilômetros de Campo Grande.

A PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou o capataz com o maquinário sem o LPU (Documento de Porte e Uso). Ele também serrava madeiras de árvores da espécie piúva com a motosserra ilegal.

Vinte e sete lascas (estacas) de madeira e a motosserra foram apreendidos. O uso de motosserra sem esse documento caracteriza-se crime ambiental, com pena prevista de três meses a um ano de detenção. Pelo crime de exploração da madeira, a pena é de seis meses a um ano de detenção.

Jornal Midiamax