Geral

Candidato do PSOL vê pesquisa DATAmax com otimismo e está de olho nos indecisos

Os números da pesquisa DATAmax sobre a corrida ao governo estadual são vistos com otimismo pelo candidato do PSOL, Professor Sidney Melo. Ele é o quarto colocado na disputa, conforme o levantamento, com 0,7% das intenções de voto. Na visão do candidato, o percentual de eleitores indecisos, de 15,7%, mostra espaço para o crescimento da candidatura […]

Arquivo Publicado em 29/08/2014, às 14h11

None

Os números da pesquisa DATAmax sobre a corrida ao governo estadual são vistos com otimismo pelo candidato do PSOL, Professor Sidney Melo. Ele é o quarto colocado na disputa, conforme o levantamento, com 0,7% das intenções de voto.

Na visão do candidato, o percentual de eleitores indecisos, de 15,7%, mostra espaço para o crescimento da candidatura do PSOL. Soma-se a isso o fato de que a campanha começa a encorpar agora, ainda conforme Sidney Melo.

“Nosso material de campanha começou a ser distribuído esta semana, nossa agenda no interior está se intensificando e observamos que a população quer mudança pra valer”, avalia o candidato do PSOL.

O cenário apontado na pesquisa reflete, também, “a pré-campanha feita por quem já tem mandato”, diz Sidney Melo. Conforme o levantamento, o líder na corrida eleitoral é o candidato do PT, senador Delcídio do Amaral, com 38,8%, seguido pelo deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB), que soma 21,60%, e pelo ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PMDB), com 16,7%.

Segundo Sidney Melo, os candidatos ditos prioritários ou maiores estão fazendo campanha há mais tempo. É até natural, complementa, que tenham mais visibilidade, por conta dos cargos que ocupam ou ocuparam.

O candidato do PSOL diz esperar por avanços nos números daqui para os dias decisivos da campanha. “Esses números não nos desanimam, pelo contrário, vamos fazer o possível para aumentar (o percentual de intenções de votos) e chegar, no mínimo, no segundo turno”, comentou Sidney Melo.

Foram entrevistados 1.500 eleitores em 37 municipios do eleitorado sul-mato-grossense, entre os dias 25 e 28 de agosto. A pesquisa foi registrada no TRE-MS (00030/2014) e apresenta margem de erro de 2,5%, para mais ou para menos. O grau de confiança de 95%.



Jornal Midiamax