Geral

Altas temperaturas elevam em 32% as vendas de ar-condicionado no DF

O forte calor registrado no Distrito Federal, com temperaturas entre 28ºC e 30ºC, fizeram as vendas de aparelhos de ar-condicionado aumentarem em 32%, informou o Sindicato do Comércio Varejista (Sindivarejista). De acordo com o órgão, a venda de cremes hidratantes também aumentou – cerca 15%. Segundo Antonio Augusto de Moraes, presidente do Sindivarejista, o crescimento […]

Arquivo Publicado em 09/01/2014, às 00h00

None
1030274030.jpg

O forte calor registrado no Distrito Federal, com temperaturas entre 28ºC e 30ºC, fizeram as vendas de aparelhos de ar-condicionado aumentarem em 32%, informou o Sindicato do Comércio Varejista (Sindivarejista). De acordo com o órgão, a venda de cremes hidratantes também aumentou – cerca 15%.

Segundo Antonio Augusto de Moraes, presidente do Sindivarejista, o crescimento da vendas surpreende em comparação ao mesmo período de 2013, que teve chuvas e registrou temperaturas mais amenas no DF. Hoje, o Inmet informou que a temperatura pode chegar a 30º C.

“Esse produto deixou de ser luxo para se tornar uma necessidade do dia a dia, seja no carro, no trabalho ou em casa”, disse Antônio Moraes.

Em razão das altas temperaturas, o Sindivarejista informou que algumas lojas pedem prazo para a entrega. Eles informam ainda que os preços dos aparelhos ficam entre R$ 480 e R$ 1,5 mil, dependendo da capacidade e da potência.

Jornal Midiamax