Geral

Sedes usam Gisele Bündchen e Boi Caprichoso em apresentação a estrangeiros

Nas vésperas do sorteio da Copa do Mundo na Costa do Sauípe, as 12 sedes do torneio tiveram a oportunidade nesta quarta-feira de apresentar mais sobre suas respectivas identidades nacionais para a imprensa internacional presente no evento da Fifa. As capitais envolvidas optaram por carregar nos detalhes regionais para turbinar a exibição. Além de detalhes […]

Arquivo Publicado em 04/12/2013, às 21h13

None

Nas vésperas do sorteio da Copa do Mundo na Costa do Sauípe, as 12 sedes do torneio tiveram a oportunidade nesta quarta-feira de apresentar mais sobre suas respectivas identidades nacionais para a imprensa internacional presente no evento da Fifa. As capitais envolvidas optaram por carregar nos detalhes regionais para turbinar a exibição.

Além de detalhes de estrutura de centro de treinamentos e hotelaria, as sedes abusaram dos clichês regionais. Fortaleza exaltou a vocação local para formação de comediantes, enquanto que Belo Horizonte falou de sua culinária local e mencionou o pão de queijo para os jornalistas estrangeiros.

O instante mais curioso da apresentação aconteceu quando Manaus promoveu a entrada do estandarte do Boi Caprichoso, um dos símbolos de uma famosa festa popular do Amazonas, o Festival Folclórico de Parintins. A sede também distribuiu “amuletos da sorte” para jornalistas.

Por sua vez, Porto Alegre se gabou dos craques e títulos da dupla Grêmio e Internacional e ainda fez questão de dizer que a top model Gisele Bündchen veio do estado. As representantes também convidaram os estrangeiros para tomar um chimarrão.

Natal, por sua vez, optou por um vídeo institucional em forma de trailer de filme de comédia, em conceito complicado de transmitir. Salvador se vendeu como um festival de sentidos, com o “gosto do dendê”, e citou o candomblé.

Já Recife argumentou que a paixão do torcedor local por futebol será um diferencial da sede. A capital pernambucana foi uma das únicas que providenciou uma apresentou em vídeo em inglês. Rio de Janeiro e Salvador optaram apenas por legendas no idioma.

A saia justa ficou por conta da apresentação de Curitiba. O representante da capital paranaense não pôde comparecer, e a mídia internacional acabou conhecendo melhor a sede através de um vídeo institucional.

No desfecho, São Paulo abriu sua apresentação lamentando o incidente no Itaquerão, que vitimou fatalmente dois operários (mas usou uma foto anterior ao acidente, com a presença dos guindastes). O estado também manifestou a expectativa de receber várias seleções participantes da Copa.

Jornal Midiamax