O deslocamento de áreas de instabilidade associadas a um sistema frontal que desloca-se pelo Oceano Atlântico na altura do litoral do Paraná mantém as trovoadas bastante ativas nesta sexta-feira (29) entre o Paraguai e o estado do Paraná.

Em vários municípios, desde a manhã de hoje, chuvas fortes acompanhadas de intensa atividade elétrica de raios, rajadas de vento e granizo localizado foram observadas.

A imagem do Sferics Timing And Ranging Network (STARNET) indicando a ocorrência de raios às 11h50min (Brasília-verão) mostrou um alinhamento de trovoadas entre o sul de Mato Grosso do Sul e o oeste e centro-sul do Paraná.

Nas próximas horas, conforme avança para norte, este alinhamento irá encontrar uma atmosfera bastante aquecida entre as demais áreas de Mato Grosso do Sul e principalmente do estado de São Paulo, o que mantém elevada a possibilidade também para temporais, alguns com poder destrutivo.

O Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe) emitiu aviso meteorológico válido para esta sexta-feira (29) em várias regiões.