Geral

Projeto que reúne balé e orquestra se apresenta nesta segunda em Campo Grande

Dançarinos e instrumentistas entre 4 e 18 anos apresentam nesta segunda-feira (4) espetáculo único em Campo Grande. Com orquestra e dança simultâneas os integrantes de um projeto social, que há 15 anos está mudando a realidade cultura da região Norte (Bairro Nova Lima) de Campo Grande, prometem fazer uma apresentação de encher os olhos do […]

Arquivo Publicado em 01/11/2013, às 11h23

None
1446560750.jpg

Dançarinos e instrumentistas entre 4 e 18 anos apresentam nesta segunda-feira (4) espetáculo único em Campo Grande. Com orquestra e dança simultâneas os integrantes de um projeto social, que há 15 anos está mudando a realidade cultura da região Norte (Bairro Nova Lima) de Campo Grande, prometem fazer uma apresentação de encher os olhos do público.

O espetáculo é em comemoração aos 15 anos do Grupo Viver Bem e vai reunir cerca de 80 artistas. São nove turmas de balé e uma orquestra que reunirá violinos, violoncelos, contrabaixos, flauta, clarineta, percussão, violão e até viola caipira, em uma obra especial que une duas tradições, a da música clássica e a da caipira.

Devanir Santana Pinto, 26 anos, hoje monitor de balé, conta que começou a fazer a dança há 15 anos, mesma época em que o projeto se iniciou no bairro. “Sou da comunidade, comecei o projeto há 15 anos. Fui assistir uma aula da minha irmã, me interessei e fui fazer também. Naquele tempo não era tão comum ver homens fazer balé. Sofri preconceitos, mas isso nunca me abateu”, diz.

Determinado, ele conta que para se chegar onde quer, o segredo está em não desistir e não se deixar levar pelos obstáculos. “Oportunidade a gente sempre tem, o que precisa é correr atrás”, emenda. centivo que o projeto deu terminei a faculdade. Mantiveram meus estudos por 4 anos, e hoje dou aula de balé na instituição”, diz.

A apresentação é nesta próxima segunda-feira (4), no teatro Glauce Rocha, às 20 horas, com entrada gratuita.

Jornal Midiamax