Geral

Prefeitura de Campo Grande diz que gasta R$ 1,5 milhão em passagens com agendas e cursos

A Prefeitura de Campo Grande esclareceu na tarde desta terça-feira (3) que as passagens aéreas e terrestres, nacionais e internacionais adquiridas por meio de licitação e que já empenharam R$ R$ 1.539.999,98 com a empresa Aquidauana Viagens e Turismo são para o cumprimento de agendas fora da capital. Segundo a nota enviada pela assessoria de […]

Arquivo Publicado em 03/12/2013, às 18h24

None

A Prefeitura de Campo Grande esclareceu na tarde desta terça-feira (3) que as passagens aéreas e terrestres, nacionais e internacionais adquiridas por meio de licitação e que já empenharam R$ R$ 1.539.999,98 com a empresa Aquidauana Viagens e Turismo são para o cumprimento de agendas fora da capital.


Segundo a nota enviada pela assessoria de comunicação da prefeitura, as passagens também atendem aos servidores, que participam de cursos, qualificações e treinamentos.


Confira a nota na íntegra:


“A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Administração, informa que o contrato com a Agência de Turismo é para aquisição de passagens aéreas para o cumprimento de agendas em outras cidades/ Estados, como por exemplo, Brasília (DF), onde o prefeito Alcides Bernal está desde ontem, viabilizando recursos e se reunindo com parlamentares.


Além disso, o contrato atende com passagens para que servidores participem de cursos, qualificações e treinamentos. No mês de outubro do corrente ano, a SEMAD participou do Curso de Sistema de Escrituração Fiscal Digital faz Obrigações Fiscais, Previdenciária e trabalhista, realizado em São Paulo.


O referido curso foi um treinamento, para atuação dos servidores, no sistema que está sendo implantado. Duas servidoras que trabalham na folha de pagamento, setor responsável pelo novo sistema, participaram do treinamento.


Também dentro deste contrato, foram adquiridas passagens aéreas, para que o secretário de Administração fosse para Salvador (BA) participar do FONAC – Fórum Nacional de Secretários Municipais de Administração das Capitais, que ocorreu no mês de novembro”.


A previsão de gastos com passagens para a Prefeitura de Campo Grande é de R$1.539.999,98 com a empresa Aquidauana Viagens e Turismo conforme publicações do Diário Oficial do Município.


Somente nesta terça-feira (3), a prefeitura assinou outro contrato prevendo R$ 1.327.000,00 em gastos inclusos no valor previsto.


Desde o dia 31 de outubro de 2013 a prefeitura mantém contratos por meio de licitações feitas a partir do Pregão Presencial  n° 112/2013 com a empresa Aquidauana Viagens e Turismo.


O primeiro contrato foi celebrado entre a Funsat (Fundação Social do Trabalho) e a empresa pelo valor de R$ 4.999,98 por um ano.


O IMTI (Instituto Municipal de Tecnologia da Informação) também mantém contrato com a empresa para passagens nacionais e internacionais por R$ 20 mil, celebrado através do contrato n° 127-A.


Depois foi a administração municipal quem usou o contrato n° 127-B com a empresa para compra de R$ 30 mil em passagens, de acordo com publicação do dia 8 de novembro, assinada por Denir de Souza Nantes e Annyê Yasunaka Herradon.


Pelo contrato n° 134, assinado por Dharleng Campos de Oliveira e publicado no dia 11 de novembro, mais R$ 40 mil foram gastos com passagens.


No dia seguinte, 12 de novembro, Ricardo Trefzger Ballock celebrou mais um contrato de R$ 60 mil com a empresa, pelo extrato de contrato n° 108.


Ontem, dia 2 de dezembro, Odimar Luis Marcon assinou o contrato n° 108-C com a empresa e empenhou mais R$ 40 mil em passagens e hoje outro contrato de R$ 18 mil foi assinado com a empresa por Ritva Vieira.


Ao todo, R$ 1.539.999,98 já foram designados para compra de passagens em Campo Grande com a empresa Aquidauana Viagens e Turismo Ltda. Todos os contratos foram celebrados por um ano a partir da data de assinatura.

Jornal Midiamax