Geral

Prefeito promete colaborar com dívida da Santa Casa e deve chamar diretoria esta semana

Desde o início do ano a Santa Casa tenta convencer a Prefeitura de Campo Grande a arcar com parte da dívida de R$ 160 milhões deixada pela antiga Junta Interventora, composta à época pelos entes municipal e estadual, mas afirma que o prefeito Alcides Bernal (PP) reluta em recebê-la. No entanto, o prefeito prometeu nesta […]

Arquivo Publicado em 05/11/2013, às 20h14

None

Desde o início do ano a Santa Casa tenta convencer a Prefeitura de Campo Grande a arcar com parte da dívida de R$ 160 milhões deixada pela antiga Junta Interventora, composta à época pelos entes municipal e estadual, mas afirma que o prefeito Alcides Bernal (PP) reluta em recebê-la. No entanto, o prefeito prometeu nesta terça-feira (05) que ainda essa semana conversará.

“Eu vou chamar o [Wilson] Teslenco – diretor-presidente da Santa Casa – para conversar, porque ele anda dizendo umas inverdades, mas a conversa com a diretoria do hospital ainda não foi, vou ver se consigo essa semana”, prometeu.

Do total da dívida, cerca de R$ 80 milhões serão quitadas com empréstimo da Caixa Econômica Federal a ser divido em 50% para ser pago pelo Governo do Estado e 50% pela Prefeitura, que ainda reluta em concordar com o pagamento.

“Eu nunca neguei nada para a Santa Casa, mas quero arcar dentro do critério da legalidade. Todo mês eu repasso R$ 14 milhões para a Santa Casa [advindos do Ministério da Saúde] e com isso a prefeitura já repassou mais de R$ 750 milhões. Tudo será a seu tempo”. Concluiu o prefeito.

Jornal Midiamax