Geral

Para Vander, se Reinaldo continuar no PSDB só terá vaga de vice na chapa de Delcídio

O deputado federal Vander Loubet (PT) reafirmou aprovar aproximação com o PSDB em Mato Grosso do Sul, mas pondera que os tucanos só terão vaga de vice na chapa do senador Delcídio do Amaral (PT), pré-candidato a governador. A avaliação leva em conta a rivalidade no plano federal. “Se o Reinaldo continuar no PSDB, é […]

Arquivo Publicado em 15/02/2013, às 18h10

None
577861783.jpg

O deputado federal Vander Loubet (PT) reafirmou aprovar aproximação com o PSDB em Mato Grosso do Sul, mas pondera que os tucanos só terão vaga de vice na chapa do senador Delcídio do Amaral (PT), pré-candidato a governador. A avaliação leva em conta a rivalidade no plano federal.


“Se o Reinaldo continuar no PSDB, é mais provável ele ser candidato a vice do Delcídio”, analisou Vander. “Como a Dilma (Rousseff) vai vir aqui e pedir voto para um candidato a senador da oposição?”, indagou.


Ainda na intenção de demonstrar a inviabilidade da “dobradinha” do tucano com o petista, Vander citou outra situação impraticável. “Vai que sai Delcídio e Reinaldo contra a Simone (Tebet) e o André (Puccinelli), então a Dilma vai ter que pedir voto para o candidato a senador do PMDB, que é da base dela, e para o Delcídio”, exemplificou.


Diante da rivalidade nacional, o deputado só vê chance de o tucano concorrer ao Senado na chapa petista se deixar o PSDB. “Acho que para o Reinaldo ser senador, ele troca de partido”, comentou. “Mas essa discussão não deve ser agora, temos tempo até 2014”, acrescentou.


Apesar da dificuldade em conciliar os interesses nacionais e os estaduais dos partidos, Vander defende e acredita na parceria com tucano. “O Reinaldo é importante para nós. Lá na frente, a gente discute o que é melhor, se ele sai ou não do PSDB”, finalizou.

Jornal Midiamax