Geral

Moradora de asilo de Fátima do Sul é estuprada

Uma mulher de 47 anos foi vítima de estupro, no Asilo Lar do Idoso, no município de Fátima do Sul. O fato ocorreu durante a madrugada, do dia 10 de junho, quando uma funcionária do local foi informada pelo guarda que a vítima estaria com sangramento na região pélvica. Segundo informações, no período noturno somente […]

Arquivo Publicado em 26/06/2013, às 13h42

None
1110184116.jpg

Uma mulher de 47 anos foi vítima de estupro, no Asilo Lar do Idoso, no município de Fátima do Sul. O fato ocorreu durante a madrugada, do dia 10 de junho, quando uma funcionária do local foi informada pelo guarda que a vítima estaria com sangramento na região pélvica.

Segundo informações, no período noturno somente o guarda é responsável pela instituição e os demais funcionários chegam ao trabalho pela manhã.

Após a constatação do abuso a vítima foi imediatamente encaminhada para o Hospital das SIAS, sendo orientada pela equipe médica para procurar a polícia e realizar Exame de Corpo de Delito.

A delegada responsável pela DAM (Delegacia de Atendimento a Mulher), na cidade de Fátima do Sul, Drª. Nádia de Souza Rodrigues, informou que o exame de Corpo Delito realizado pelo IML (Instituto Médico Legal), foi comprovado à violência sexual contra a vítima.

Ainda de acordo com a delegada, o caso não foi divulgado antes para não atrapalhar as investigações, tendo em vista que estava aguardando os resultados de exames, para protocolar o pedido de prisão preventiva do autor.

Segundo as informações apuradas, a vítima não é idosa, mas está internada no asilo, por sofrer deficiência intelectual, inclusive há dois meses deixou de frequentar a APAE (Associação de Pais, Amigos e Excepcionais) de Fátima do Sul.

De acordo com as investigações no Lar do Idoso nenhum profissional especializado na área de enfermagem trabalha no local no período noturno, ficando as responsabilidades somente para o guarda que cumpre plantão.

A Justiça determinou ontem (25), a prisão preventiva do suspeito de praticar o estupro. A Polícia Civil através da Delegacia da Mulher cumpriu o mandado de prisão, por volta de 17h50, onde se encontra a disposição da Justiça em uma das celas do 1º DP.

Jornal Midiamax