Geral

Manifestação lembra assassinato de jornalista

O assassinato do jornalista e escritor Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, o Paulo Rocaro, ocorrido no dia 13 de fevereiro do ano passado, na Avenida Brasil, em Ponta Porã, está sendo lembrado por colegas de profissão e integrantes de clubes de serviço, OAB, associações e entidades da fronteira nesta manhã da quarta-feira de Cinzas (13), data […]

Arquivo Publicado em 13/02/2013, às 12h50

None

O assassinato do jornalista e escritor Paulo Roberto Cardoso Rodrigues, o Paulo Rocaro, ocorrido no dia 13 de fevereiro do ano passado, na Avenida Brasil, em Ponta Porã, está sendo lembrado por colegas de profissão e integrantes de clubes de serviço, OAB, associações e entidades da fronteira nesta manhã da quarta-feira de Cinzas (13), data em que o crime completará um ano.


Até o momento nada de concreto existe a respeito da elucidação do homicídio e a comunidade fronteiriça se reune para um grito contra a impunidade. Quem quiser participar será bem vindo. Depois da concentração, os manifestantes devem se dirigir à Delegacia de Polícia Civil do 1º Distrito, onde foi aberto o inquérito que apura o assassinato e que está sendo conduzido pelo delegado Odorico Mendonça.


Ali haverá outra manifestação pacífica contra a impunidade. Da delegacia, será organizada uma carreata que percorrerá a Avenida Baltazar Saldanha e a Avenida Brasil, até o local do homicídio, nas proximidades do Hotel Frontier. No local, está sendo construido um totem alusivo à vida e ao trabalho do companheiro que teve a vida brutalmente ceifada aos 51 anos de idade.

Jornal Midiamax