Geral

Líbia pede explicações aos EUA por “rapto” de suposto líder da Al Qaeda

A Líbia pediu neste domingo (6/10) uma explicação a Washington pelo “rapto” de um cidadão em operação não autorizada no seu território, que levou à captura de um suspeito de terrorismo da Al Qaeda. “O governo líbio segue as informações do rapto de um dos cidadãos líbios procurados pelas autoridades dos Estados Unidos”, diz um […]

Arquivo Publicado em 06/10/2013, às 16h45

None

A Líbia pediu neste domingo (6/10) uma explicação a Washington pelo “rapto” de um cidadão em operação não autorizada no seu território, que levou à captura de um suspeito de terrorismo da Al Qaeda. “O governo líbio segue as informações do rapto de um dos cidadãos líbios procurados pelas autoridades dos Estados Unidos”, diz um comunicado do governo.

“Assim que teve conhecimento das informações, o governo líbio contactou as autoridades dos Estados Unidos para pedir explicações”, acrescenta. O comunicado recorda que a Líbia e os Estados Unidos têm “uma parceria estratégica” para assuntos de segurança e defesa, e espera que este “não seja afetado pelo incidente”.

As forças especiais norte-americanas fizeram ontem duas operações para capturar dois chefes islâmicos suspeitos de atos terroristas, um na Líbia, onde capturaram um dos líderes da Al Qaeda, Abu Anas Al Libi – detenção já confirmada pelo Pentágono, e outro na Somália.

Abu Anas Al Libi era procurado pelos Estados Unidos devido ao seu papel nos atentados de 1998 contra as embaixadas norte-americanas na Tanzânia e no Quênia.

Jornal Midiamax