Geral

Estelionatária tenta dar golpe em delegado em MS

Na manhã de hoje (18/07), por volta das 10 horas da manhã a Polícia civil prendeu Sandra Apolinário, de 23 anos, em flagrante, por tentativa de estelionato. O fato aconteceu num supermercado da cidade. O Delegado de Ivinhema/MS, Ricardo Cavagna, que está de férias, fazia compras no mercado com sua esposa quando uma moça gestante […]

Arquivo Publicado em 18/07/2013, às 21h37

None
992179900.jpg

Na manhã de hoje (18/07), por volta das 10 horas da manhã a Polícia civil prendeu Sandra Apolinário, de 23 anos, em flagrante, por tentativa de estelionato.

O fato aconteceu num supermercado da cidade. O Delegado de Ivinhema/MS, Ricardo Cavagna, que está de férias, fazia compras no mercado com sua esposa quando uma moça gestante aproximou-se e pediu ajuda em dinheiro, pois tinha uma filha que estava com câncer.

Apresentou uma cópia de uma fotografia de uma criança e um xerox de um recorte de papel de uma suposta médica pedindo ajuda em dinheiro para operar a menina. Também apresentou um caderno contendo o nome de diversas pessoas de Ivinhema/MS que caíram no golpe, dando “contribuições” em dinheiro.

Diante da situação e por se tratar de um velho golpe conhecido da Polícia, Ricardo se identificou como Delegado e deu voz de prisão à Sandra ficando ao seu lado. A moça tentou fugir.

O Dr. Ricardo disse a reportagem do site Ivinoticias que pelo fato de Sandra estar grávida resolveu não segurar ela a força, nem mesmo tocá-la e então passou a persegui-la a pé pelas ruas da cidade. Enquanto corria atrás de Sandra, ligou para a PM e solicitou o apoio para poder conduzi-la até a Delegacia.

O Delegado perseguiu Sandra a pé por aproximadamente 500 metros, até que a viatura da PM rapidamente chegou e então conduziu a estelionatária até a Delegacia.

Ricardo aproveitou a oportunidade para alertar a população para não cair nesse tipo de golpe tão visado. Afirmou também que frequentemente vítimas vão até a Delegacia para registrar ocorrências deste tipo.

Ressaltou que os papéis que esses criminosos, geralmente mulheres, apresentam papa dar o golpe são grotescos e sem nenhuma credibilidade, de forma que as pessoas devem ficar atentos para não serem vítimas de estelionato.

Jornal Midiamax