Geral

Empresária é surpreendida com ‘limpa’ feito por arrombadores em casa no São Francisco

Três aparelhos de TVs, de 52, 42 e 32 polegadas, notebook, tablet, celular, quatro relógios, filmadora, máquina digital, joias e peças íntimas, em um valor estimado entre R$ 25 e R$ 30 mil. Este foi o balanço do prejuízo que a empresária Vanessa de Souza Moreira, de 34 anos de idade fez ao chegar em […]

Arquivo Publicado em 06/12/2013, às 14h19

None
543685704.jpg

Três aparelhos de TVs, de 52, 42 e 32 polegadas, notebook, tablet, celular, quatro relógios, filmadora, máquina digital, joias e peças íntimas, em um valor estimado entre R$ 25 e R$ 30 mil.


Este foi o balanço do prejuízo que a empresária Vanessa de Souza Moreira, de 34 anos de idade fez ao chegar em casa e encontrar o portão e a porta da sala arrombados, na tarde de quinta-feira (5).


Segundo a empresária, ela foi ao aeroporto receber um sobrinho e quando chegou em casa, na Rua Bartira, Altos do São Francisco, foi surpreendida pela ação dos marginais, que fizeram um verdadeiro limpa e deixaram todos os cômodos revirados.


“Eles reviraram até as gavetas do guarda-roupas dos meus filhos. A sorte é que não tinha ninguém em casa mas agora tenho que conviver com o medo e o prejuízo”, afirmou.


Embora a casa seja protegida por sistema de alarmes, os marginais encontraram uma forma de neutralizá-lo e ninguém da vizinhança percebeu a ação.


Segundo informações, algumas pessoas perceberam elementos estranhos suspeitos rondando a casa desde o período da manhã, mas não se atentaram que poderiam ser os arrombadores.


“Acredito que eles estiveram observando a casa por um bom período e como não viram movimento resolveram invadir. Os vizinhos não perceberam nada, apesar de alguns falarem que tinham pessoas estranhas rondando a casa. Outra coisa que tenho certeza é que não foi uma pessoa só e que foi utilizado um carro, pelo tamanho dos objetos levados”, afirmou.


Vanessa disse também que dois filhos, uma menina de 11 anos e um garoto de 7. “O menino nem está sabendo ainda, mas a menina está assustada e já falou que não quer mais voltar para casa. É ruim um fato como este acontecer justamente nesta época de Natal e fim de ano”, lamentou a empresária. (Foto retirada a pedido da vítima)




Jornal Midiamax