Geral

Bombeiros se recusam passar informações à imprensa

Nesta manhã de segunda-feira (01), a equipe de reportagem do Midiamax se deparou com uma situação inusitada ao noticiar um acidente de trânsito, que aconteceu na Avenida Ernesto Geisel, região central de Campo Grande. Os militares se recusaram a falar com a imprensa, alegando a proibição de prestar informações sobre as ocorrências, mediante “ofício”. A […]

Arquivo Publicado em 01/07/2013, às 14h01

None
77380332.jpg

Nesta manhã de segunda-feira (01), a equipe de reportagem do Midiamax se deparou com uma situação inusitada ao noticiar um acidente de trânsito, que aconteceu na Avenida Ernesto Geisel, região central de Campo Grande. Os militares se recusaram a falar com a imprensa, alegando a proibição de prestar informações sobre as ocorrências, mediante “ofício”.

A equipe conseguiu as tais informações com testemunhas e um passageiro. No entanto, ao entrarmos em contato com o Chefe de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros, tenente-coronel Joilson Santos De Paula, ele explicou que, no local, os militares devem atender a imprensa.

“Os militares podem atender a imprensa e repassar algumas informações referentes à ocorrência, o que aconteceu não procede. Mas, realmente, existe uma determinação dizendo que a guarnição não pode repassar informações sobre problemas de segurança pública e nome completo das vítimas dos acidentes. Demais detalhes podem ser adquiridos posteriormente, apenas com a assessoria de comunicação”, explicou De Paula.

Jornal Midiamax