Geral

AGORA: Câmara retoma sessão e base continua criticando possível cassação

A sessão na Câmara de Campo Grande foi retomada neste momento e parte para a votação da instauração de uma Comissão Processante que deve cassar o prefeito Alcides Bernal (PP). O clima é tenso e a oposição voltou com indícios de que não vão conseguir emplacar a comissão. “Essa situação vai acabar chegando a um […]

Arquivo Publicado em 08/10/2013, às 13h36

None
397861726.jpg

A sessão na Câmara de Campo Grande foi retomada neste momento e parte para a votação da instauração de uma Comissão Processante que deve cassar o prefeito Alcides Bernal (PP). O clima é tenso e a oposição voltou com indícios de que não vão conseguir emplacar a comissão.

“Essa situação vai acabar chegando a um transtorno e um caos. Os vereadores deviam estar votando matérias para o bem da população e não de interesses políticos” afirmou Alex do PT.

Para Luiza Ribeiro (PPS), essa comissão é uma tentativa de inverter a vontade das urnas. “O PMDB governou por muitos anos e o [André] Puccinelli ganhou por diferença mínima de votos e nem por isso quiseram tirá-lo”, afirmou.

O único vereador que faltou foi o Dr. Jamal. Embora ele seja da oposição há relatos que ele esteve no gabinete do prefeito nos últimos dias.

Jornal Midiamax