Geral

Vasco usa criatividade para fazer contratações a custo zero

A sofrer com penhoras, lutando para conseguir deixar em dia os salários, a diretoria do Vasco tem precisado usar a criatividade para viabilizar contratações este fim de ano. Entre empréstimos gratuitos, jogadores sem vínculo e troca-troca, até o momento cinco reforços já estão acertados com o clube para a próxima temporada e tudo a custo […]

Arquivo Publicado em 26/12/2012, às 00h16

None

A sofrer com penhoras, lutando para conseguir deixar em dia os salários, a diretoria do Vasco tem precisado usar a criatividade para viabilizar contratações este fim de ano. Entre empréstimos gratuitos, jogadores sem vínculo e troca-troca, até o momento cinco reforços já estão acertados com o clube para a próxima temporada e tudo a custo zero.



O Vasco ainda não gastou um centavo sequer com contratações. Na última delas, a do atacante Zé Eduardo, o clube conseguiu a liberação junto ao Genoa (ITA) para um empréstimo gratuito. Apenas o salário vai sair do cofre cruzmaltino.



“Na situação do Zé Love falta apenas um detalhe burocrático, mas o Vasco não terá custos. Até agora, todas as negociações que buscamos foram sem custos ao clube”, destacou René Simões, diretor executivo de futebol do clube.



Até por essa tática, a diretoria do Vasco vem trabalhando algumas negociações em silêncio, sem alarde, para evitar a concorrência de outros clubes, com maior poder aquisitivo. René Simões está à frente dessa empreitada, que conta com a aprovação, ou não, de Ricardo Gomes. Ele é quem sinaliza a contratação, enquanto René tenta viabilizá-la.



Jogadores insatisfeitos no Vasco, como Nilton, que acionou o clube na Justiça, além de Alecsandro, alvo do Atlético-MG, estão sendo inseridos em trocas. Eder Luis pode ser o próximo. A perda técnica pode ser sentida, mas tem sido mais uma forma de viabilizar reforços, quase sempre dois de lá por um de cá.



Nesta semana, o Vasco pode fechar, pelo menos, mais três contratações. Pedro Ken e Sandro Silva, do Cruzeiro, e Neto Berola, do Atlético-MG, estão pertos do acerto para a temporada que vem.



Confira as formas de negociação:



Trocas



Sem vínculo



De olho no mercado, o Vasco contratou dois jogadores sem custos, por estarem sem vínculo com clube algum: o lateral-direito Elsinho, ex-Figueirense, e o goleiro Michel Alves, ex-Criciúma.



Oportunidade



No caso de Zé Love, o que pesou foi a oportunidade. Ele queria voltar ao Brasil, forçou a barra e, com isso, o Vasco conseguiu o empréstimo sem custos. Thiaguinho, do Cruzeiro, chega de forma parecida.


Jornal Midiamax