Geral

SC: candidato a prefeito é espancado por 5 homens encapuzados

O candidato a prefeito de São João Batista, perto de Florianópolis, Elias Germano Mafeçoli (PP), foi espancado por cinco homens na madrugada deste sábado. De acordo com a Polícia Civil, o atual vice-prefeito da cidade dirigia sozinho no bairro Timbézinho, por volta da 1h, quando foi abordado por homens encapuzados. Mafeçoli, 52 anos, sofreu vários […]

Arquivo Publicado em 06/10/2012, às 15h31

None

O candidato a prefeito de São João Batista, perto de Florianópolis, Elias Germano Mafeçoli (PP), foi espancado por cinco homens na madrugada deste sábado. De acordo com a Polícia Civil, o atual vice-prefeito da cidade dirigia sozinho no bairro Timbézinho, por volta da 1h, quando foi abordado por homens encapuzados.


Mafeçoli, 52 anos, sofreu vários golpes no braço e no rosto. Segundo o registro de ocorrência, os agressores, que usavam máscaras que escondiam o rosto completamente, só roubaram uma pochete com os documentos do candidato. A vítima foi deixada no local e chamou a polícia.


Atendido no Hospital Monsenhor José Lopes, Elias Mafeçoli já recebeu alta. Ele não foi localizado pela reportagem, mas a candidata a vereadora pela mesma coligação e cunhada do vice-prefeito, Valdete Martins (PTB), diz não ter dúvida de que se trata de atentado político. Segundo ela, o candidato teve que dormir em outra residência na última noite porque “estavam fazendo arruaça, soltando bombas e fazendo ameaças na frente da casa dele.”


“Outras pessoas da coligação já sofreram ataques parecidos. Todos estão andando com segurança, mas o Elias não quis”, afirma Valdete. “Está uma loucura. A coisa aqui em São João está feia”, diz. De acordo com ela, o coordenador da campanha da coligação PP, PPS, PT, DEM, PTB, Zunino Neto, também foi vítima de ataque parecido.


Até o meio dia deste sábado, segundo a polícia, nenhum suspeito havia sido identificado.

Jornal Midiamax