Geral

Presidente do Instituto Chico Mendes pede demissão

O primeiro presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o engenheiro agrônomo Rômulo José Mello, pediu demissão do cargo. Criado em 2007, o instituto é subordinado ao Ministério do Meio Ambiente (MMA). Segundo disse à Agência Brasil, em entrevista, Rômulo Mello sente-se “cansado, estressado, enfadado” e está “com problemas de pressão alta”. […]

Arquivo Publicado em 29/02/2012, às 18h51

None

O primeiro presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), o engenheiro agrônomo Rômulo José Mello, pediu demissão do cargo. Criado em 2007, o instituto é subordinado ao Ministério do Meio Ambiente (MMA).


Segundo disse à Agência Brasil, em entrevista, Rômulo Mello sente-se “cansado, estressado, enfadado” e está “com problemas de pressão alta”. “Eu preciso cuidar da saúde e me dedicar à família”.


Mello é egresso do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), órgão do qual também foi presidente (2002), e permanecerá no ICMBio. “Eu sou analista ambiental. Como bom marujo, saio do comando, mas não abandono o barco”.


O pedido de demissão foi entregue ontem (28), mas, segundo a Assessoria de Imprensa do MMA, há um ano Mello manifestava o desejo de sair. A ministra Izabella Teixeira examina o pedido. Ainda não há informação sobre quem vai substituí-lo.

Jornal Midiamax